O Santuário de Fátima acolhe esta sexta-feira, dia 12, e amanhã a peregrinação internacional aniversária de junho, presidida pelo bispo auxiliar de Lisboa, Américo Aguiar, a primeira com a presença de peregrinos desde o início da pandemia de Covid-19.

O programa da peregrinação inicia-se hoje com o rosário na Capelinha das Aparições, seguindo-se a Procissão das Velas e uma celebração da Palavra no Altar do Recinto de Oração, a partir das 21h30.

No sábado, dia 13, as celebrações começam pelas 09h00, com o rosário na Capelinha das Aparições e a missa internacional decorre a partir das 10h00, no Recinto de Oração, com a tradicional Bênção dos Doentes e a Procissão do Adeus.

 Segundo uma nota do Santuário de Fátima, a peregrinação internacional aniversária de junho é a segunda do ano pastoral, que está a ser vivido em Fátima sob o tema “Tempo de graça e misericórdia: dar graças por viver em Deus”, e assinala a segunda aparição de Nossa Senhora.

Neste período de desconfinamento devido à pandemia da Covid-19, o centenário da escultura de Nossa Senhora de Fátima vai ser assinalado com a imagem na exposição comemorativa Vestida de Branco entre as 14h30 e as 20h00

A principal peregrinação anual de Fátima, de 13 de maio, foi realizada em pleno estado de emergência e de forma inédita, sem peregrinos no recinto.

As celebrações com a assistência de fiéis regressaram no dia 30 de maio, no âmbito das medidas de desconfinamento decretadas pelo Governo e que previam o reatamento dos cultos religiosos presenciais.