O distrito de Leiria e todo o território continental está em situação de alerta devido ao risco de incêndio rural até domingo, 13 de setembro, devido às previsões meteorológicas, anunciou o ministro da Administração Interna.

“Ao longo de toda esta semana temos estado em situação de alerta ao risco de incêndio rural e a avaliação feita esta manhã entre a Proteção Civil e o IPMA [Instituto Português do Mar e da Atmosfera] leva-nos a apontar para um agravamento do risco ao longo do próximo fim de semana”, disse aos jornalistas Eduardo Cabrita, citado pela agência Lusa.

Segundo o Ministério da Administração Interna, a declaração da situação de alerta decorreu da necessidade de adotar medidas preventivas e especiais de reação face ao risco de incêndio previsto pelo IPMA na maioria dos concelhos do continente nos próximos dias.

Entre as restrições anunciadas está a proibição da caça no domingo e de atividades desportivos nas florestas. O ministro apelou também para que se evitem comportamentos de risco no uso negligente do fogo.

“Não é possível, nem sardinhadas, nem churrascos, nestes dias”, acrescentou.

A situação de alerta implica ainda o reforço da prontidão dos meios e dos agentes que participam nas operações de prevenção e combate a incêndios rurais e a ativação das estruturas de coordenação, quer de nível nacional, quer nos distritos onde esta declaração se aplica.

Entretanto, Leiria é também um dos 11 distritos de Portugal continental sob aviso amarelo devido à previsão de tempo quente, avança o IPMA.

De acordo com o Instituto, os distritos de Aveiro, Braga, Bragança, Coimbra, Leiria, Lisboa, Porto, Santarém, Setúbal, Viana do Castelo e Vila real vão estar sob aviso amarelo até às 18 horas de hoje devido à persistência de valores elevados da temperatura máxima.

O IPMA prevê tempo quente e seco, com subida da temperatura máxima, que pode chegar aos 39 graus em Santarém e aos 38 graus em Braga, e vento por vezes forte de leste nas terras altas.

O aviso amarelo é emitido pelo IPMA sempre que existe uma situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.