Assinar
Futebol

União de Leiria estreia-se em Torres Vedras na Liga 3 com ambição renovada

Subida volta a ser objetivo para os leirienses no arranque do novo campeonato. A intenção é ser “o principal representante do futebol da região centro”, deseja o presidente da SAD.

Leirienses arrancam este sábado na nova Liga 3 diante do Torreense, em Torres Vedras Foto: UDL

Aí está a nova época futebolística e, com ela, há um novo aliciante: uma nova competição sénior, a Liga 3, que reformula o terceiro escalão competitivo nacional. E nele participam duas equipas do distrito: União de Leiria e Caldas.

Com o jogo do Caldas adiado (para 8 de setembro, devido a um surto de Covid-19 no adversário da primeira jornada, o Oliveira do Hospital), cabe à União de Leiria ser a primeira equipa da região a entrar em ação já este sábado, 14 de agosto, visitando o Torreense a partir das 17 horas (com transmissão em direto no Canal 11).

No arranque da nova época, com um plantel reforçado (sobretudo no ataque) e Filipe Cândido de regresso à orientação da equipa, a União de Leiria parte com renovada ambição para concretizar um objetivo sucessivamente adiado nas últimas temporadas: regressar aos campeonatos nacionais.

O treinador leiriense antecipa a nova Liga 3 como “um campeonato extremamente competitivo” e “muito semelhante ao que acontece na Liga 2 e Liga 1”.

“Vamos ter uma visibilidade muito grande e, portanto, nesse sentido, temos uma responsabilidade muito grande de fazer bons espetáculos, de valorizar o jogo e valorizar os jogadores. E, de preferência, que no final sejamos nós a ganhar”, disse Filipe Cândido, em declarações ao Canal 11.

Já o presidente da SAD, Armando Marques, espera que a União de Leiria seja “uma das equipas que lute” pela subida de divisão.

“Faremos tudo por isso”, promete, desejando que, no final da época, haja festa no Estádio Municipal de Leiria, “de longe o melhor estádio da Liga 3”.

“Pelo estádio, estaríamos num patamar acima. Mas vamos fazer tudo para que a equipa corresponda à dimensão e à qualidade que o estádio tem”, diz o dirigente, que promete uma equipa para “dignificar a cidade, o concelho e esta região”.

“Leiria quer assumir o papel de ser o principal representante do futebol da região centro”, frisa Armando Marques. 

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.