Assinar
Batalha

Vereadores da Câmara da Batalha já têm pelouros atribuídos

O movimento independente “Batalha é de Todos” venceu as últimas eleições autárquicas com 46,48 por cento dos votos.

A distribuição dos pelouros no executivo da Batalha foi conhecida na passada sexta feira e as pastas estão concentradas nos vereadores eleitos pelo movimento independente “Batalha é de Todos”.

O presidente da Câmara da Batalha, Raul Castro, vai ficar responsável pelas obras municipais, ordenamento do território e proteção civil, segundo a atribuição de pelouros divulgada na sexta-feira.

Executivo da Câmara Municipal da Batalha Foto: CM Batalha

Sob a alçada do líder do movimento independente ficará ainda a auditoria e controle de gestão, saúde, proteção e saúde animal, intervenção sanitária, ambiente e comunicação.

Já o vice-presidente do município, Carlos Monteiro, ficará com os pelouros da área financeira e contratação pública, fundos comunitários, recursos humanos, educação e apoio às empresas.

As áreas da cultura, biblioteca e museu, arquivo histórico, defesa do consumidor, apoio jurídico e o desporto e tempos Livres foram entregues à vereadora Mónica Cardoso.

Por fim, a vereadora Maribela Vieira vai assumir os pelouros de ação e desenvolvimento social, rede social, juventude, e comissão de proteção de crianças e jovens.

A propósito da atribuição de pelouros, Raul Castro afirma, citado em comunicado, que “a proximidade e a disponibilidade para com os munícipes serão os princípios que nortearão a postura deste executivo”.

O movimento independente “Batalha é de Todos” venceu as últimas eleições autárquicas, a 26 de setembro, com 46,48 por cento (4.070) dos votos, o que permitiu eleger quatro vereadores.

Já o PSD garantiu lugar para três vereadores num total de sete membros no executivo.

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é assinante, entre com a sua conta. Entrar