Assinar


Caldas da Rainha

Toy e iluminação alargada a mais ruas marcam “Caldas, rainha do Natal”

O projeto conta este ano com um orçamento total de 210 mil euros, dos quais a autarquia comparticipa com 141 mil euros

Uma ecopista de gelo no Parque D. Carlos I, um concerto de Toy e a iluminação alargada a mais ruas da cidade marcam o projeto “Caldas, rainha do Natal” que este ano conta com o maior orçamento de sempre.

O projeto, apresentado sexta-feiria, dia 5, arranca no dia 13 com um concerto de Toy, artista que adaptou um dos seus temas com uma letra alusiva ao Natal nas Caldas da Rainha, “o maior de sempre em termos de iluminação e animação”, afirmou o presidente da Associação Comercial dos Concelhos das Caldas da Rainha e Óbidos (ACCCRO), Luís Gomes.

Intitulado “Caldas, rainha do Natal”, o projeto engloba este ano a iluminação de “sete quilómetros de ruas e de 15 mil metros quadrados de edifícios e rotundas”, num total de 12 rotundas (mais duas que no ano anterior) que entre os dias 13 de novembro e 6 de janeiro estarão decoradas com “luzes nas cores branco frio, branco quente e vermelho”, explicou o presidente da ACCCRO.

A principal atração, em tenros de iluminação, será a tradicional árvore de Natal em frente ao edifício da câmara municipal, este ano “com 33 metros de altura e 33 mil ‘píxeis’, que permitem controlar o jogo de luzes através de computador”, disse Luís Gomes.

Entre as novidades desta edição, a primeira desde a pandemia de Covid-19, contam-se ainda o alargamento do projeto ao Parque D. Carlos I, onde pela primeira vez funcionará uma ecopista de gelo e um carrossel.

Em termos de animação a principal novidade prende-se com o concerto de Toy, que antecede um espetáculo de fogo de artifício a marcar a inauguração da iluminação natalícia na cidade, e, segundo a organização ao longo dos dias “haverá espetáculos itinerantes em vários locais.

A Casa do Pai Natal, o Comboio de Natal, a Exposição de Árvores de Natal e um balão de ar quente, são outros dos atrativos com que a autarquia e os comerciantes pretendem afirmar “Caldas da Rainha como o epicentro do Oeste” durante esta quadra.

O projeto conta este ano com um orçamento total de 210 mil euros, dos quais a autarquia comparticipa com 141 mil euros e o restante resulta de parcerias com empresas e estabelecimentos de comércio, entre as quais um centro comercial que pela primeira vez se associa ao projeto.

Deste orçamento 108 mil euros são aplicados na iluminação e o restante na animação.

A par com este projeto a Câmara das Caldas da Rainha “alargou este ano a iluminação a todas as freguesias do concelho”, afirmou o presidente da câmara municipal, Vitor Marques, explicando que a autarquia vai investir “14 mil euros para que em todas elas haja um apontamento de Natal”.

O Projeto “Caldas, Rainha do Natal” resulta de uma parceria entre o município e a associação de comerciantes.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.