Assinar


Covid-19

Covid-19: Equipa do ACeS Pinhal Litoral reforça apelo à vacinação

Horários dos centros de vacinação deverão sofrer alterações em março. Utentes podem recorrer a qualquer centro em regime de “casa aberta”

Os horários de funcionamento dos Centros de Vacinação Covid-19 (CVC) dos concelhos de Batalha, Leiria, Marinha Grande, Pombal e Porto de Mós deverão sofrer alterações a partir do mês de março, com eventual redução nalguns casos.

Antevendo algumas mudanças, Ana Silva, coordenadora do programa de vacinação do Agrupamento de Centro de Saúde Pinhal Litoral (ACeS PL), reforça o apelo à vacinação contra o SARS-CoV-2, lembrando a sua importância no combate à Covid-19.

“É inquestionável que o paradigma da infeção e da mortalidade por ela causada mudou depois do aparecimento da vacina e do início da sua inoculação na população”, frisa a especialista numa nota de imprensa, acrescentando que “a eficácia das diferentes vacinas, apesar de um pouco diferente, revelou-se excelente”.  

Estimando em cerca de 95% a eficácia das vacinas que estão a ser atualmente administradas, Ana Silva salienta que “os casos graves de Sars-CoV-2 e os casos de morte têm ocorrido na quase totalidade em indivíduos não vacinados”.

“Não guardem para amanhã o que podem fazer hoje. Proteja-se a si e à sua família. O vírus não é um amigo”, alerta, dirigindo-se em particular aos utentes que ainda não foram vacinados ou que não receberam a dose de reforço.

Quem não recebeu qualquer dose de vacina e/ou esteve infetado há três meses ou mais pode ser vacinado de imediato. As pessoas vacinadas que estiveram infetadas ou que fizeram a última dose há cinco meses também podem levar a dose de reforço, acrescenta, referindo que os utentes podem recorrer a qualquer centro de vacinação na modalidade de “casa aberta”, sem agendamento e independentemente da sua área de residência.

Sobre o impacto do SARS-CoV-2, Ana Silva é categórica: “Não houve outro vírus com igual impacto na vivência do dia-a-dia, na mortalidade de população saudável e com comorbilidades e na economia a nível mundial”.

Reportando-se a um recente estudo da Universidade de John Hopkins dos Estados Unidos da América, refere cerca de 5,8 milhões de mortes associadas à Covid-19 em todo o mundo, sendo que “25% destas ocorreram nos países em que, por motivos vários, a cobertura vacinal está bem abaixo da média, como Estados Unidos da América, Brasil, Índia, Rússia e México”.

Já em Portugal, o balanço desta segunda-feira da Direção-Geral da Saúde (DGS) indica o registo de 3.093.723 casos confirmados de infeção desde o início da pandemia e 20.565 óbitos atribuídos à Covid-19.

“Ainda segundo a DGS, temos atualmente cerca de dois milhões de pessoas com o esquema de vacinação completo e destes morreram cinco pessoas por esta infeção, sendo que quatro tinham mais de 80 anos e, portanto, seguramente tinham outros problemas de saúde”, especifica Ana Silva.

Nos cinco concelhos que integram o ACeS PL, a cobertura vacinal com a dose de reforço rondava, até à passada sexta-feira, 74,61% da população elegível (com mais de 17 anos), estimando-se em 121.171 o número de utentes com a vacinação completa.

Horário dos CVC do ACeS PL:

Leiria (estádio municipal)
Todos os dias, das 9 às 13 horas e das 14 às 17 horas

Batalha (CCR Quinta do Sobrado)
Às sextas-feiras, das 9 às 13 horas e das 14 às 17 horas

Marinha Grande (Parque Municipal de Exposições)
Às terças, quintas, sábados e domingos, das 9 às 17 horas

Pombal (Pavilhão das Atividades Económicas e Desportivas)
Todos os dias, das 9 horas às 11h30 e das 14 às 16 horas

Porto de Mós (Salão paroquial das Pedreiras)
Às terças, quartas e sábados, das 9 às 13 horas e das 14 às 17 horas

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.