Assinar


Leiria

Município de Leiria investe 1,5 milhões num espaço cultural no antigo Paço Episcopal

A obra prevê intervenção dos pisos -1, -2 e -3, onde funcionaram as salas de cinema “Castello Lopes”.

O município de Leiria vai investir 1,5 milhões de euros na criação de um espaço cultural nas áreas devolutas do antigo Paço Episcopal, cujo projeto foi aprovado na terça-feira, em reunião de executivo.

Após uma intervenção que prevê a criação de uma sala do tipo ‘black box’ e de uma sala de ensaios, além de serviços de apoio, o grande objetivo é “capacitar os agentes culturais profissionais e amadores”, pretendendo-se “que seja um espaço de criação e de formação artística”, explicou a vereadora da Cultura, Anabela Graça, citada numa nota de imprensa.

O projeto de execução e a abertura do concurso agora aprovados estimam um investimento de 1.548.965,84 euros, que serão candidatados a fundos comunitários, e um prazo de execução de 360 dias.

A obra prevê intervenção dos pisos -1, -2 e -3 do antigo Paço Episcopal, onde funcionaram as salas de cinema “Castello Lopes”, os quais serão adaptados e reconvertidos para receberem novos palcos e novos programas, articulados com a estratégia cultural do município.

O espaço será “projetado de forma a assegurar a máxima flexibilidade, proporcionando a todos os intervenientes no ciclo produtivo das artes do espetáculo o maior número possível de opções cénicas através da realização de eventos culturais multidisciplinares”, acrescenta a nota.

Com um total de 1.931,43 metros quadrados, no piso -1, estará a entrada principal (foyer), um gabinete de trabalho e duas áreas de régie, enquanto o piso -2 irá receber a sala de ensaios e um camarim.

Para o piso -3 está previsto a ‘black box’, com uma bancada retrátil com capacidade para 116 espetadores, dois camarins, um bar, uma zona de apoio, um armazém para equipamento cénico e espaços para arrumos.

Com esta intervenção, o município pretende revitalizar um edifício emblemático para a cidade, onde funciona atualmente a Loja do Cidadão, e contribuir para o dinamismo cultural do concelho e para a dinamização do centro histórico, refere o comunicado.

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é assinante, entre com a sua conta. Entrar