Assinar
SOS Ucrânia

PSP de Leiria dá conselhos e combina festa ucraniana

Deslocados que residem em Leiria receberam indicação de alguns cuidados de segurança e esclareceram dúvidas.

Daniela Faria

“Esta é a vossa casa e podem vir aqui sempre que quiserem e falam comigo”. Foi com esta mensagem que José Figueira, comandante distrital da PSP de Leiria, “abriu” as portas da Esquadra para uma ação de acolhimento, na passada sexta-feira, dia 25, às famílias ucranianas presentes em Leiria.

Com o objetivo de ajudar na integração destes cidadãos e “mostrar que a polícia é parte da solução e um amigo”, o Comando Distrital de Leiria ofereceu-lhes um pequeno lanche e desafiou os mais novos para conhecer melhor a atividade que desenvolvem.

Recolher impressões digitais ou identificar narcóticos num cenário fictício de crime foram algumas das atividades que entusiasmaram os adolescentes, já os mais novos optaram pela Escola de Trânsito e insufláveis. Alguns acompanhados pelos progenitores, aderiram ao projeto “Estou Aqui”.

Ao mesmo tempo, os adultos foram sensibilizados para as funções da PSP e a disponibilidade da polícia para promover a segurança destas pessoas, o funcionamento do número de emergência 112 e alguns cuidados de segurança com o objetivo de contribuir para diminuir o risco de vitimização de pessoas mais vulneráveis, bem como foi apresentada a plataforma PortugalForUkraine. Alguns aproveitaram o momento para esclarecer dúvidas.

“A PSP está aqui para vos ajudar. Portugal é um país seguro e podem circular sem restrições. Tenham alguma atenção quando são abordados na via pública por pessoas que não sabem quem são”, alertou a intendente Mónica Rodrigues aos deslocados, ainda um pouco “inseguros” pela proximidade, fora do habitual, com a polícia.

Apoiada na tradução por Galyna Rykpo, bombeira voluntária da Nazaré, natural de Ivano-Frankivsk, uma cidade a 140 km de Lviv, no oeste da Ucrânia, e a residir na região desde 2014, a intendente Mónica Rodrigues deixou ainda alguns conselhos relacionados com a procura de emprego, habitação ou abordagens na via pública.

Antes, o grupo de deslocados, que está alojado no Centro de Acolhimento Temporário, esteve no Castelo de Leiria, numa visita guiada, para conhecer um pouco melhor a história do monumento, contactou com a mascote da PSP “Falco” e ainda assistiu a uma atuação do quinteto de metais da Banda de Música da PSP.

A visita foi conduzida e traduzida pelo agente Constantine Dykiy, membro da Banda da PSP e do Comando Metropolitano de Lisboa, nascido em Portugal mas filho de ucranianos, bem como de outro polícia, igualmente do Comando de Lisboa, com fluência em ucraniano, uma funcionária civil da PSP de Leiria e dois voluntários da comunidade ucraniana residente em Leiria.

E esta não é a última vez que os ucranianos vão estar em contacto com a PSP. É que um novo momento de convívio ficou já agendado. O comandante José Figueira vai disponibilizar as instalações e os bens necessários para que os deslocados preparem uma refeição tipicamente ucraniana e celebrem a sua cultura. “Esta é a vossa casa e estamos aqui para os proteger e ser parte da solução. Um amigo”, reiterou o comandante.

Conselhos

Documentação
Em momento algum, devem ser entregues os documentos pessoais e de identificação.

Emprego
Deve existir alguma precaução na procura de emprego. Identificar bem o empregador, a atividade a desenvolver e o local onde será exercida a função. Assinar um contrato de emprego sem ter esclarecidas todas as condições é algo a evitar.

Habitação
Segundo a PSP, é recomendada a visita física às habitações, antes de entregar qualquer quantia monetária ou assinar contrato de habitação.

Cuidados
Devem evitar passear com objetos de muito valor e deixar objetos esquecidos/perdidos.
Em qualquer momento, em caso de dúvida, podem ligar o 112 ou contactar a PSP.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.