Assinar
Sociedade Exclusivo

Veículos abandonados são uma dor de cabeça para municípios e proprietários

É uma praga sem fim à vista e para a qual parece não haver solução. Por motivos financeiros, sociais ou simples desleixo, os automóveis continuam a ser deixados ao abandono.

Joaquim Dâmaso

Quando as ervas começam a ganhar dimensão, é sinal que algo de anormal se passa. Com o tempo, os pneus ficam em baixo, vazios, os tampões das jantes e outras peças desaparecem, o capô fica demasiado sujo, alguns vidros são partidos e os mais novos aproveitam para deixar mensagens provocatórias no retrovisor: “Lava-me!”.