Assinar
Cultura

Ateliês chamam público infantil ao Castelo de Porto de Mós

A ideia é alimentar o gosto dos mais pequenos pelo Castelo de Porto de Mós. Poderá mesmo ser o embrião de um serviço educativo permanente no monumento.

A ideia é alimentar o gosto dos mais pequenos pelo Castelo de Porto de Mós. Poderá mesmo ser o embrião de um serviço educativo permanente no monumento.

Para já, são ateliês que arrancam terça-feira, 13, e terminam na próxima sexta, 16. Sempre às dez da manhã.

“O que se pretende, é utilizar a educação como ferramenta de desenvolvimento patrimonial, fazendo uma ponte entre o público e o Castelo”, explicam Rosana Silva e Sónia Conde, dinamizadoras das actividades que decorrem com o apoio do pelouro da Cultura da Câmara de Porto de Mós.

A actividade inaugural, na próxima terça-feira, denomina-se “A História do Dom Fuas Roupinho, contada na 1ª pessoa”.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.