Assinar
Sociedade

Ministro entrega prémio da IBM a investigador de Porto de Mós

E se o gigantesco acelerador de partículas europeu, com cerca de 27 quilómetros de comprimento, tivesse apenas três metros?

E se o gigantesco acelerador de partículas europeu, com cerca de 27 quilómetros de comprimento, tivesse apenas três metros?

Samuel de Freitas Martins

Um jovem cientista de Porto de Mós acaba de ser distinguido pela IBM com um prémio de 15 mil euros. Porquê? Porque Samuel de Freitas Martins, jovem de 27 anos, destacou-se pelo seu trabalho relacionado com simuladores de aceleradores de partículas a laser-plasma, tornando-os mais eficazes. Isto é, ajudou a tornar mais próximo o sonho de criar aceleradores de partículas bem mais modestos no seu tamanho.

Foi com o seu trabalho intitulado “Exploração dos futuros aceleradores laser-plasma com simulações numéricas massivamente paralelas em referenciais de Lorentz arbitrários” que Samuel captou a atenção do júri deste prémio anual instituído pela IBM em 1990 para distinguir trabalhos de elevado mérito científico no campo da computação teórica e aplicada, destinado a jovens até aos 36 anos de idade. O título do seu trabalho, saído da sua tese de doutoramento, não deixa dúvidas: este é um campo científico complexo.

O investigador explica: “o meu trabalho permite implementar um novo método em que a simulação numérica seja até mil vez mais rápida” que aquela que era conseguida até aqui. E este é um trabalho que não “mora” apenas no papel, estando a ser utilizado para modelizar computacionalmente experiências actualmente em curso nos Estados Unidos, na Inglaterra e na Alemanha. Importa explicar que os simuladores numéricos, por computador, são em si uma forma de facilitar as experiências em simuladores de partículas “reais” que são, explica Samuel Martins, “caros e complexos”. Também a simulação por computador implica a utilização de super-computadores, tendo este trabalho recorrido ao maior super-computador do mundo em termos de processadores – Jügene, na Alemanha -, mas também ao ISTCluster, o maior super-computador existente em Portugal. No entanto, o trabalho deste jovem investigador no Instituto Superior Técnico e na University of California at Los Angeles tornou a tarefa mais célere e simplificada, permitindo modelizar pela primeira vez a próxima geração de aceleradores a laser-plasma.

A cerimónia de entrega do prémio atribuído pela IBM decorre segunda, dia 19, no Instituto Superior Técnico e será presidida pelo ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Mariano Gago.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.