Assinar
Sociedade

Fogo já matou em Ourém e continua incontrolável

Um morto, duas casas queimadas e uma fábrica de plásticos destruída é o balanço até ao momento de um incêndio que começou a lavrar ontem ao princípio da tarde na zona do Fárrio, Ourém.

Um morto, duas casas queimadas e uma fábrica de plásticos destruída é o balanço até ao momento de um incêndio que começou a lavrar ontem ao princípio da tarde na zona do Fárrio, Ourém, e que se alargou por um perímetro de cerca de 20 quilómetros, atingindo também o distrito de Leiria por Albergaria dos Doze.

Mais de 300 bombeiros combatem as chamas

No terreno, estão neste momento mais de 300 bombeiros. Na madrugada de hoje, dia 3, a localidade de Vale das Antes, Ourém, foi evacuada, segundo informou na ocasião do presidente do município, Paulo Fonseca.

Entretanto um homem, de 54 anos, dado como desaparecido, foi encontrado morto no lugar de Resouro, freguesia de Urqueira, situação que a Polícia Judiciária está a investigar. Era proprietário de um aviário que tentava defender do avanço das chamas.

Ontem, devido ao incêndio, a circulação na Linha do Norte esteve interrompida, mas foi restabelecida durante a madrugada.

As chamas continuam a dar luta e a semana avizinha-se complicada devido às altas temperaturas.

 

Cláudia Gameiro
claudia.gameiro@regiaodeleiria.pt

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.