Assinar Edições Digitais
Sociedade

GNR detém suspeitos de tráfico em Batalha e Leiria

Em dois dias, a GNR deteve na Batalha e em Leiria, dois homens, suspeitos de terem plantado cánabis e de estarem ligados ao tráfico daquela substância proibida

Em dois dias, a GNR deteve na Batalha e em Leiria, dois homens, suspeitos de terem plantado cánabis e de estarem ligados ao tráfico daquela substância proibida.

gnrO primeiro suspeito, um homem de 29 anos foi detido na Batalha, na manhã da última segunda-feira. Foram-lhe apreendidas 19 plantas de canábis, para além de 7,7 gramas de liamba e vários objetos relacionados com o cultivo de canábis. A operação foi desencadeada pelas 10h30 e foi levada a cabo por militares do Núcleo de Investigação Criminal do Destacamento Territorial de Leiria da GNR, em sequência de um mandado de busca domiciliária. O suspeito, detido na altura pela GNR, foi presente ao Tribunal de Porto de Mós que determinou a medida de coação de termo de identidade e residência.

Entretanto, na manhã da última terça-feira, no concelho de Leiria, a história repetiu-se, num caso com muitas semelhanças. A GNR deteve, em circunstância idênticas, um outro homem, também com 29 anos de idade. Mais uma vez, a detenção surgiu no âmbito da investigação sobre tráfico de estupefacientes. Neste caso foram apreendidas nove plantas de canábis e 9,3 gramas de haxixe. Este segundo suspeito foi presente ao Tribunal da Marinha Grande, desconhecendo-se, à hora de fecho desta edição, a medida de coação decretada.