O Mosteiro da Batalha foi o terceiro monumento mais visitado em Portugal no ano passado. Com 291.455 visitantes, o monumento da Batalha mantém um lugar de destaque no ranking nacional.

Os dados são da Direção-Geral do Património Cultural e foram divulgados pela agência Lusa. Na liderança dos monumentos mais visitados em 2013, está o Mosteiro dos Jerónimos com 722.758 entradas, seguindo-se a Torre de Belém, com 537.855.

Fora da capital portuguesa, o Mosteiro da Batalha é o monumento mais visitado. Esta situação mantém-se em relação a 2012, mas o principal monumento do concelho da Batalha registou, em 2013, um incremento no número de visitantes na ordem dos 7,2 por cento, uma vez que em 2012 contou com 271.912 entradas.

Os mesmos dados deixam ainda perceber que no que se refere aos museus, a liderança cabe ao Museu Nacional dos Coches, em Lisboa. Com 189.015 visitantes. Relativamente aos palácios, o Palácio Nacional da Ajuda, em Lisboa, liderou, com 253.658 visitantes.

Com a totalidade dos dados disponíveis, foi encontrado um perfil dos visitantes dos monumentos. A maioria (85%) são estrangeiros e pagam bilhete. Já no que se refere aos museus e palácios, a maioria dos visitantes são portugueses e não pagantes.

(Notícia publicada na edição de 27 de fevereiro de 2013)

IMG_7151
Aumento de visitantes em relação a 2013 foi de 7,2 por cento (fotografia: Joaquim Dâmaso)