Select Page

Hemorragia cerebral foi causa de morte de estudante

Hemorragia cerebral foi causa de morte de estudante

A autópsia realizada ao corpo de Renato Cardoso, jovem de 15 anos que faleceu ontem, quarta-feira, na estância de esqui Sierra de Béjar-La Covatilla, em Salamanca, revelou “hemorragia cerebral” como causa da morte, tal como inicialmente apontado, confirmou Pedro Biscaia, diretor da Escola Secundária Afonso Lopes Vieira.

Foto: Joaquim Dâmaso

O estudante frequentava o 10.º ano e estava numa visita de estudo acompanhado de 40 alunos e quatro professores, organizada pelos professores de Educação Física, que incluía aulas de iniciação ao esqui. Durante a manhã de ontem, o aluno sentiu-se mal, foi assistido e acabou por falecer.

Hoje, quinta-feira, às 10h20, a Associação de Estudantes da Escola Afonso Lopes Vieira realizou um minuto de silêncio em homenagem a Renato Cardoso, onde estiveram presentes docentes e funcionários do estabelecimento de ensino, assim como o diretor. “O silêncio diz mais que qualquer palavra e a comunidade soube unir-se na dor”, afirmou Pedro Biscaia ao REGIÃO DE LEIRIA.

Em Espanha permanecem dois professores da ESALV que estão a acompanhar os pais do estudante, que ontem viajaram até à estância, e que deverão regressar até amanhã a Leiria, acompanhando a transladação do corpo.

“Estamos em choque. Há um silêncio de pesar profundo” [entre a comunidade escolar], lamenta Pedro Biscaia.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Primeira Página

Publicidade

Pergunta da Semana

A carregar

A Câmara Municipal da Marinha Grande deve comprar as piscinas de São Pedro de Moel?

Obrigado pelo seu voto!
Já votou nesta pergunta!
Selecione uma das opções!

Newsletter Região de Leiria

app repórter no mundo

Share This