Select Page

Atlas. Três anos a ser bem mais do que um hostel em Leiria

Três anos de portas abertas a Leiria e ao mundo. Tem sido assim a história da vida do Atlas Hostel, que esta semana celebra o aniversário com um recheado programa a condizer: comida, concertos, descobertas, convívio. 

O que começou por ser um hostel na rua Direita, rapidamente se transformou em ponto de encontro para bem mais do que os turistas que procuram conhecer Leiria. 

Ao longo de três anos, o conceito modificou-se à medida que o negócio avançava. Passou de alojamento turístico com bar aberto ao público a local onde se promove cultura sem fronteiras.

“Os últimos três anos foram incríveis! O tempo fez com que nos tornássemos também num bar focado em mostrar às pessoas coisas novas e diferentes. Temos em média mais de sete eventos por mês, como por exemplo concertos de música do mundo, jantares internacionais e workshops de alimentação alternativa abertos a toda a gente”, explica o gerente do espaço.

Para Luís Marques, a razão do sucesso está na junção de “clientes espetaculares com um staff maravilhoso”. A rica agenda mensal que o Atlas oferece fortalece a relação entre o estabelecimento e todos os que lá entram.

Por aquele edifício que esteve fechado durante anos e que o Atlas revitalizou, já passaram visitantes de todas as idades e origens. Só hóspedes chegaram de mais de 60 países e cinco continentes. Na memória de Luís Marques ficará para sempre a visita de um casal de 85 anos, da Nova Zelândia, de uma equipa de ginástica acrobática da Coreia do Sul e ainda de um grupo de freiras do Canadá, por exemplo.

“São pessoas descontraídas e boa onda, que procuram no Atlas um espaço familiar onde possam estar completamente à vontade”. O balanço é “bastante positivo”, realçando a taxa de ocupação: aumentou cerca de 15% por ano.

No início deste mês de julho, o Atlas Hostel estendeu-se à rua Coronel Artur Paiva, também em Leiria, abrindo o La Palma Hostel, com outro conceito:

“Queremos ir ao encontro de um público que procura, por um lado, um sítio confortável e sossegado e, por outro, que possa usufruir à mesma da agitação e divertimento do Atlas Hostel”, explica Luís Marques.

Em cima da mesa há outros projetos que vão tornar-se realidade nos próximos tempos. Por agora, o foco é o intenso programa de aniversário, que arranca esta quarta-feira, 18 de julho:

“Ao longo dos próximos quatro dias vamos ter conversas com viajantes, concertos de bandas internacionais, um jantar russo, muitos workshops, aulas de yoga, culminando tudo no sábado numa super festa no terraço com barbecue incluído e muita música que convida a dançar. Acaba por ser uma amostra intensa daquilo que fazemos durante todo o ano”, conclui o gerente.

Programa

Quarta-feira, 18 de julho
19h00 – Workshop Language Exchange

22h00 – Conversas à Volta do Mundo – Bolívia

Quinta-feira, 19 de julho
20h00 – Jantar temático – Rússia

22h30 – Concerto Wattafog

Sexta-feira, 20 de julho
22h00 – Concerto Alright Gandhi

23h00 – Concerto Lince

Sábado, 21 de julho
10h30 – Workshop “Yoga no terraço”

15h00 – Workshop “Sketcher on the road”
18h00 – Churrasco no Terraço com afrobaile por Celeste Mariposa 

Domingo, 22 de julho
10h00 – Workshop “Vamos cruzinhar”

18h00 – Concerto Carolina Caramujo

Até domingo
“Vintage World Things”, feira vinil, roupa vintage e objetos do mundo

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Siga-nos

Primeira Página

Publicidade

Publicidade

Pergunta da semana

A carregar

Defende a criação de Tribunais para julgar casos de violência doméstica?

Obrigado pelo seu voto!
Já votou nesta pergunta!
Selecione uma das opções!

Região de Leiria no Facebook

Subscrição de newsletter

Share This