Encerrado para obras desde o ano passado, o antigo gastropub do centro histórico volta às origens e lança um conceito repaginado, com foco na diversão noturna de alto padrão
Os sócios Sabino Carvalho e Vasco Ferreira (sentados) convidaram nomes como Jaime Costa (em pé)  para assinar o som da  discoteca Foto: Joaquim Dâmaso

As portas estiveram fechadas cerca de três meses mas esta sexta-feira, 24, o Chico Lobo reabre oficialmente no centro histórico de Leiria. No mesmo local onde inaugurou pela primeira vez em 2006, e num dos prédios mais emblemáticos da praça Rodrigues Lobo, o até agora gastropub volta a funcionar, desta vez com serviço premium e um sobrenome que antecipa a proposta: The Club.

A ideia, segundo Vasco Ferreira, foi “lançar aquilo que Leiria não tem” e “voltar ao primeiro ato (do negócio), com 12 anos de experiência”. O empresário e sócio-proprietário da marca que ficou conhecida inicialmente pelo público leiriense pelo duplo conceito de café-bar lembrou ao REGIÃO DE LEIRIA que, em 2014, após uma decisão em conjunto com o sócio Sabino Carvalho, o empreendimento assumiu uma vertente mais voltada para a restauração até que, em 2019, optou por regressar ao ponto de partida, num upgrade da primeira versão.

Com ambiente ampliado, uma decoração totalmente modificada e muitos sofás vermelhos, a casa não pretende aumentar a capacidade de pessoas mas sim oferecer maior conforto à clientela. “Vai continuar a ser pequeno”, antecipa Sabino, acrescentando que a ideia é ter ainda um espaço para “pé de dança”.

No som, os estilos devem misturar-se, tendo em conta os dj e músicos já contactados para a programação. Entre eles está Jaime Costa, figura marcante que respondeu por espaços icónicos da cidade nos anos 1990, como a antiga discoteca do hotel Eurosol e o Xannax (atual Stereogun). “É a pessoa certa”, celebra Vasco Ferreira, explicando que vai marcar presença uma sexta-feira por mês. O intuito, revela o gerente, é criar uma dinâmica também para “quem sente que já não tem para onde ir”. Isso porque Jaime é conhecido por tocar playlists que passeiam por hits do passado. No Chico Lobo – The Club, o dj veterano adianta, todavia, que pretende visitar diferentes décadas e focar, sobretudo, em canções alternativas. “Vai agradar a todos”, garante Vasco.

Esta sexta, na noite de inauguração, a música fica a cargo de Ti Jó e no sábado, 25, é o Casal Maravilha que anima a pista. O novo espaço vai funcionar todos os dias, das 23 à 1 horas, exceto às sextas e sábados, quando o encerramento passa para as 2 horas. Já o custo de entrada será cobrado por meio de consumo mínimo, com valor entre os 3 e 5 euros.

 

Jessica Germano
Jornalista
jessica.m.germano@regiaodeleiria.pt