Select Page

População une-se para apoiar na recuperação de jovem beneditense

Continua a crescer a onda solidária criada no concelho de Alcobaça para ajudar a suportar os custos da recuperação do beneditense André Agostinho, que sofreu graves lesões neurológicas na sequência de um acidente de viação em março do ano passado.

São já mais de uma centena os estabelecimentos comerciais que estão a recolher donativos através das “latinhas solidárias”.

Após longos meses de internamento hospitalar, André Agostinho encontra-se numa clínica de reabilitação com o propósito de continuar a recuperação.

“O André está a realizar vários tratamentos que são bastante dispendiosos para o orçamento familiar visto que a mãe teve de abandonar o emprego para se dedicar a 100% à recuperação do filho”, revela Joaquim Silva, apoiante na dinamização da iniciativa criada por Nelson Né, amigo de André Agostinho, e pela turquelense Isabel Fernandes.

Desde o início desta campanha solidária, já foram colocadas 120 “latinhas solidárias” nas freguesias da Benedita, do Vimeiro, onde o jovem morou, e de Turquel, onde jogou hóquei em patins. Os interessados em apoiar a causa podem deixar o seu donativo até final do mês de fevereiro.

Entretanto, já foram angariados 260 euros com um leilão de uma camisola e um stick autografados pelos jogadores de hóquei em patins do Sporting quando se deslocaram a Turquel.

Está também marcado um passeio BTT e uma caminhada solidária para dia 9 de fevereiro em prol da causa.

O evento é de participação livre, mas os participantes são convidados a deixar um donativo. As inscrições podem ser feitas até ao próximo dia 7 de fevereiro.

SV

Praticante de BTT, o jovem atleta sofreu várias lesões a nível neurológico, na sequência de um acidente de viação em março do ano passado, que o remeteram para um estado vegetativo/consciência mínima. As ajudas têm chegado de vários quadrantes e até já envolveram a equipa de hóquei em patins do Sporting

1 Comentário

  1. João Eduardo

    Era mais fácil ter um NIB para os que são de fora e não tem acesso às latinhas solidárias…

    Responder

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Primeira Página

Pergunta da Semana

A carregar

Está a ser eficaz a lei da igualdade salarial entre géneros que entrou em vigor há um ano?

Obrigado pelo seu voto!
Já votou nesta pergunta!
Selecione uma das opções!

Publicidade

Newsletter Região de Leiria

app repórter no mundo