Assinar Edições Digitais
Covid-19

IEFP cancela formações e pede aos utentes que comuniquem por via digital

Instituto do Emprego está a colocar à disposição dos utentes vários serviços por via online. Decidiu ainda suspender a obrigação de comparência e de procura ativa de emprego.

portal do instituto de emprego e formação profissional

A partir desta segunda-feira, 16 de abril, o subsídio de desemprego pode ser requerido online, informa o IEFP – Instituto do Emprego e Formação Profissional em comunicado publicado na sua página web e na rede social Facebook.

Quem se encontrar em situação de desemprego e necessitar de requerer o respetivo subsídio pode fazê-lo por via digital. Para isso, deve preencher o formulário que se encontra disponível na área de gestão do portal iefponline, na opção “requerimento do subsídio de desemprego”, que fica acessível na sequência da sua inscrição ou reinscrição para emprego.

Esta modalidade também se aplica aos que se encontram a regressar de países do espaço Schengen e que pretendam requerer subsídio de desemprego.

Atendendo às recentes medidas adotadas e comunicadas pelo Governo, no âmbito da pandemia COVID-19, o IEFP decidiu ainda cancelar até 9 de abril todas as atividades de formação em curso e as que se encontram programadas.

O mesmo comunicado informa que se encontra suspensa a obrigação de procura ativa de emprego por parte dos candidatos que se encontram a auferir prestações de desemprego.

Também os candidatos que receberam convocatória para uma intervenção nos próximos dias, devem considerar a mesma sem efeito, refere a mesma nota.

Os serviços não se encontram encerrados, mas está a ser pedido aos utentes que utilizem as comunicações por meio digital, por email info.iefp@iefp.pt ou através do portal iefponline.