Submetidos a testes pelo Centro Hospitalar de Leiria, sete utentes e três trabalhadores da APPDA – Associação Portuguesa para as Perturbações do Desenvolvimento e Autismo de Leiria confirmaram infeção por covid-19.

Em comunicado enviado para as redações, a APPDA-Leiria adianta que “tiveram resultado negativo um utente e três trabalhadores”.

Informa ainda “que de momento nenhum dos casos de infeção apresenta quadro clínico preocupante, tendo sido efetuado o necessário ajuste na equipa que presta apoio aos utentes no Lar Residencial” e que está a ser “garantido todo o apoio aos utentes e aos trabalhadores”, situação que está a ser acompanhada em permanência por parte das autoridades de saúde.

Na passada segunda-feira, a instituição divulgou que um dos nove utentes do lar residencial, a única valência que está em funcionamento desde dia 13 de março, tinha sido confirmado como positivo para Covid-19, “na sequência do registo anormal de temperatura”. Os restantes utentes e funcionários iam ser submetidos a testes e os resultados foram conhecidos hoje.

Na nota de imprensa, Paulo Silva Santos, presidente da direção, termina agradecendo a “total entrega” a “toda a família APPDA-Leiria” e deixa “uma mensagem de tranquilidade a todos utentes, trabalhadores e seus familiares”, desejando as “rápidas melhoras aos utentes e trabalhadores infetados”.