A desinfeção dos contentores tem sido reforçada por parte das autarquias e entidades responsáveis pela recolha e tratamento de resíduos Foto: JF Bajouca

Circularam várias publicações nas redes sociais, nomeadamente no Facebook, a recomendar à população que deixe as tampas dos contentores do lixo abertas, alegadamente para evitar o contacto e eventual transmissão do novo coronavírus.

A origem desta informação é desconhecida, mas chegou também a ser partilhada por algumas autarquias a nível local, nomeadamente na região de Leiria.

Entretanto, tanto as entidades responsáveis pela recolha e tratamento de resíduos sólidos como diversas câmaras e juntas de freguesia vieram a público garantir que as tampas são para manter fechadas por questões de saúde pública e para evitar a propagação de outras pragas.

Face às informações contraditórias veiculadas, a Câmara Municipal de Leiria chegou a solicitar um parecer à ERSAR – Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos para esclarecer quaisquer dúvidas.

Nesta fase de pandemia, existem algumas precauções a ter quando for colocar o seu lixo no contentor. Assim, tenha em…Publicado por Município de Leiria em Terça-feira, 7 de abril de 2020

A mensagem da EGF – Environment Global Facilities, partilhada pela Valorlis, que alerta para o facto de os contentores abertos atraírem animais além de os resíduos poderem ser também espalhados pelo mau tempo, contaminando o espaço público.

Para a deposição de lixo em contentores, prevalecem as recomendações gerais de higiene das mãos, com lavagem, antes e depois, com sabão ou soluções à base de álcool.

Lave as mãos antes e depois de depositar o lixo

IMPORTANTE: FECHAR A TAMPAContentores abertos atraem animais. Animais e mau tempo espalham resíduos que contaminam o espaço público.Proteja as mãos quando depositar o seu saco de lixo. Feche a tampa e lave as mãos com água e sabão conforme recomendado.Seja um agente de saúde pública, proteja-se a si e proteja os que o rodeiam.#PREVENIRCOVID19Publicado por EGF – Environment Global Facilities em Terça-feira, 7 de abril de 2020

Joana Xavier, responsável de comunicação da Valorsul (que intervém nos concelhos do sul do distrito) , lembra ainda, numa entrevista ao programa “A Nossa Tarde”, que as luvas e máscaras não são recicláveis e não devem ser colocadas no contentor amarelo por não serem embalagens. Destaca ainda a importância de ser colocadas no contentor de lixo indiferenciado em sacos fechados para não irem para o centro de triagem, e não pôr em causa a segurança dos profissionais afetos a esse serviço.

Por outro lado, tanto a Valorlis como a Valorsul ressalvam que o lixo “contaminado”, mesmo que sejam embalagens, não é reciclável e deve ser sempre colocado no lixo comum num saco resistente e descartável até dois terços da sua capacidade, por sua vez inserido num segundo saco antes de ir para o contentor. Esta medida abrange as pessoas doentes com Covid-19 ou que se encontrem em quarentena pela mesma suspeita e decorre do risco de contaminação dos objetos pelo seu manuseamento.

“Se o contentor do lixo estiver cheio, procure outro contentor nas proximidades, não deixe o lixo no chão e quando passear o seu cão, não o deixe aproximar-se do lixo para prevenir qualquer infeção”, reforça por sua vez a EGF.

Cuidados redobrados com resíduos contaminados

Novos Cuidados com o Lixo DomésticoEm caso de infeção (ou suspeita), considere que os seus resíduos estão contaminados.Publicado por EGF – Environment Global Facilities em Terça-feira, 24 de março de 2020

Nos últimos dias, tem surgido por outro lado várias denúncias devido ao lixo espalhado no chão fora dos contentores, um problema que tem preocupado as entidades locais, que apelam à população para a deposição correta dos resíduos.