Foto: CCC Caldas da Rainha

O Centro Cultural e de Congressos (CCC) das Caldas da Rainha vai retomar a apresentação de espetáculos com dois concertos agendados para o mês de junho.

“Transmutação”, inspirado no poema homónimo de João José Cochofel, é o primeiro espetáculo a subir ao palco do CCC após quase três meses de confinamento, anunciou hoje o centro cultural.

O concerto, protagonizado pelo compositor, pianista e musicólogo Hélder Bruno, vai realizar-se no dia 20, com o público a poder revisitar alguns temas do primeiro álbum do artista e conhecer novas peças que serão incluídas no seu segundo álbum, que sairá sob o título “Sob um céu de água/Water sky (under a)”.

No dia 26, será a vez de O Gajo (João Morais) levar ao CCC os sons da viola campaniça, através da qual expressa a sua arte desde 2016, depois de um percurso de 28 anos no punk.

Dois espetáculos em que o CCC garante adotar “todas as medidas e procedimentos de higiene necessárias para que as pessoas se sintam seguras”, refere a direção num comunicado em que considera essencial voltar gradualmente e em segurança às salas (teatros, centros culturais, cinemas, coletividades), “dando aos artistas a oportunidade da sua função que é a partilha ao vivo da sua arte com os seus públicos”.

A partir de julho o centro cultural vai avançar com a programação de verão “Caldas Anima”, uma parceria com a câmara municipal e que consiste na apresentação de espetáculos de música, animações, marionetas e artes circenses pelas ruas de Caldas da Rainha.

O programa é realizado atualmente com o intuito de dinamizar o comércio local e os espaços urbanos.

Na página da internet do CCC é também já possível verificar o reagendamento de espetáculos que deveriam ter-se realizado nos meses de março e abril, alguns dos quais já com novas datas marcadas.

O Centro Cultural e de Congressos Caldas da Rainha, inaugurado a 15 de maio de 2008, é a principal sala de espetáculos da cidade, com dois auditórios, salas para reuniões e congressos, e área da exposição.