O incêndio deflagrado ontem, 17, no Arrabal, concelho de Leiria, fez uma vítima mortal no final da tarde deste sábado, 18. Um bombeiro, de 34 anos, sofreu uma paragem cardiorespiratória, pelas 20 horas, após entrar na operação de contenção ao fogo por volta das 16 horas.

Em visita ao local, o presidente da Câmara de Leiria confirmou o óbito por volta das 21h45, mas informou que a causa da morte ainda “aguarda autópsia”. “O que se sabe é que era um bombeiro excecional, sempre disponível a ajudar os outros”, sublinhou Gonçalo Lopes, visivelmente abatido.

O profissional seria da secção de Monte Redondo dos Bombeiros Voluntários de Leiria.

Mais tarde, em sua página no Facebook, o autarca de Leiria falou sobre o “dia trágico” que o concelho viveu neste sábado e enviou uma mensagem de ânimo aos profissionais que estão na linha de frente do combate ao fogo. “Endereço também uma palavra de ânimo e reconhecimento a todos os Soldados da Paz, em especial aos Bombeiros Voluntários de Leiria para que encontrem forças para superar este momento de dor e para que continuem nesta missão tão nobre de lutar por todos nós nas circunstâncias mais difíceis”, acrescentou.

O nosso concelho de Leiria viveu hoje um dia trágico com a perda de duas vidas na União das Freguesias de Santa Catarina…Publicado por Gonçalo Lopes em Sábado, 18 de julho de 2020

Ainda no Facebook, um grupo dedicado aos profissionais do ramo comunicou a notícia, que teve centenas de partilhas a lamentar o ocorrido.

Infelizmente o pior confirmou-se…Mais um Camarada de 33 anos, dos Bombeiros Voluntários de Leiria que tombou por terra!!Descansa em Paz, Companheiro!Publicado por Diário De Um Bombeiro em Sábado, 18 de julho de 2020

Após ter cedido na noite de ontem, o incêndio voltou a ganhar proporções violentas ao longo deste sábado. Às 21h57, estavam no terreno 71 operacionais e 22 meios terrestres no combate ao fogo, segundo a página da Proteção Civil.

Atualização às 23h25: Com atualização da idade da vítima.