Assinar
Caldas da Rainha

O que são, afinal, as salpas, que interromperam os banhos na Foz do Arelho?

São “organismos inofensivos, não produzem qualquer toxina”.

São organismos filogeneticamente mais aparentados aos humanos que as medusas. Falamos das salpas, a espécie que ontem deu à costa e impediu banhos na Foz do Arelho, Caldas da Rainha. Interromperam os banhos, mas são inofensivas.

Sónia Cotrim, investigadora do MARE-Politécnico de Leiria, entidade responsável pela identificação desses seres com aparência gelatinosa que “estragaram” a tarde de banhos na praia do concelho de Caldas da Rainha, explica o que são, afinal, as salpas.

“Estes organismos que deram à costa, tunicados planctónicos mais conhecidos como salpas, são filogeneticamente mais aparentados a nós humanos que às próprias medusas”, adianta Sónia Cotrim numa nota publicada na página do MARE- Politécnico de Leiria no Facebook.

• MARE-POLITÉCNICO DE LEIRIA e ESTM e AO SERVIÇO DA SOCIEDADE •Identificada espécie que deu à costa e levantada…

Publicado por Cetemares em Quinta-feira, 23 de julho de 2020

São, explica, “organismos inofensivos, não produzem qualquer toxina e aparecem nas nossas águas quando estas estão mais quentes e tem mais disponibilidade de alimento”.

Recorde-se que ontem organismos gelatinosos deram à costa na Foz do Arelho, levando à interdição dos banhos. A medida acabou por ser levantada durante a tarde depois de a espécie ter sido considerada inofensiva.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.