O evento de arte pública Leiria Paredes com História decorre até 9 de outubro e apresenta, nesta edição, intervenções artísticas em fachadas de média a grandes dimensões, momentos musicais, exposições e conversas.

Os convidados desta edição são o artista português Odeith, com uma intervenção junto à via Polis, no estacionamento das Galerias do Lis; o hispano-americano Axel Void, que intervém na avenida Nossa Senhora de Fátima; bem como o espanhol Aryz, que está pintar uma parede do Orfeão de Leiria, com final previsto para 13 de setembro.

Amanhã, dia 8, decorre a atuação de Ana Ester, cantora lírica soprano, na via Polis, junto às Galerias do Lis, a partir das 18 horas.

A 19 de setembro, haverá ainda uma intervenção paralela pela Quinta do Alçada, no âmbito do projeto sócioartístico “Sob o mesmo céu”, promovido pela associação InPulsar.

A última intervenção acontece na urbanização Quinta de S. Romão, com asisnatura da dupla americana Hyland Mather e Mando Marie, entre 21 e 28 de setembro.

Acresce à programação – disponível na página de Facebook da associação Riscas Vadias – um momento musical protagonizado por um rancho folclórico, a 12 de outubro, na avenida Nossa Senhora de Fátima, às 18 horas.

Destaque, ainda, para a exposição “Not from earth” de Pabblo Hatory, patente na M. Gallery & Studio a partir de quinta-feira, dia 10, até 9 de outubro.

O programa compreende também diálogos sobre arte urbana, que acontecem no Centro Cívico de Leiria: um dedicado ao tema “Pontos Convergentes”, a 24 de setembro, pelas 18 horas, e outro, “Do singular ao plural”, a 8 de outubro, à mesma hora.