Um centro de apoio e distribuição gratuita de máscaras vai ser criado na Batalha, anunciou a Câmara Municipal na passada sexta-feira. Para o efeito, será montada uma tenda no novo Parque de Eventos de Santa Maria da Vitória.

A iniciativa surge na sequência da aprovação, por parte da Assembleia da República, do uso obrigatório de máscaras para o acesso ou permanência nos espaços e vias públicas, em todo o território nacional. O incumprimento desta medida constitui uma contraordenação com coima que pode ir dos 100 aos 500 euros. Apenas as crianças com idades inferior a 10 anos se encontram isentas desta medida.

De acordo com a autarquia, o centro de apoio e distribuição de máscaras poderá igualmente acolher a realização de testes à Covid-19, ser um espaço de vacinação e “servir de retaguarda a ações de rastreio e de solidariedade social para as pessoas que precisem de apoio alimentar”.

Em comunicado, a Câmara informa ainda que, em articulação com a unidade de saúde local, será montado um espaço de apoio exterior no Centro de Saúde da Batalha e implementado “um processo de gestão nos atendimentos, de forma a contribuir para a melhoria das condições de espera dos utentes daquele serviço de saúde”.

Citado no comunicado, o líder do executivo, Paulo Batista Santos, afirma que “esta medida visa reforçar as respostas locais no apoio à Covid-19 e colaborar com os responsáveis da Saúde na resposta à evolução da pandemia, promovendo uma maior cobertura da população”.