Assinar Edições Digitais


Ambiente

Retirar amianto de oito escolas vai custar 613 mil euros

Acordo de colaboração com o Ministério da Educação celebrado em agosto passado

A Câmara de Leiria aprovou esta terça-feira, dia 10, a adjudicação do plano de empreitadas em oito escolas do concelho com vista à remoção de materiais de construção com amianto.

O investimento é de 613.500 euros e abrange as escolas básicas D. Dinis, de Santa Catarina da Serra, Dr. Correia Alexandre (Caranguejeira), Dr. Correia Mateus, n.º 2 de Marrazes, ERainha Santa Isabel (Carreira), Escola Básica e Secundária Henrique Sommer (Maceira), e Escola Secundária Afonso Lopes Vieira.

A medida surge na sequência de um acordo de colaboração com o Ministério da Educação celebrado em agosto passado, o qual prevê a assunção dos encargos por parte do Município, que fica também responsável por elaborar o programa de intervenção nos estabelecimentos.

Este tipo de trabalhos já se encontra em curso no Pavilhão Desportivo Municipal da Maceira, com a substituição da cobertura de amianto por painel sanduíche. A obra custa 237 mil euros e inclui a reparação das paredes exteriores e interiores, pintura integral do edifício, substituição da caldeira, instalação de painéis solares térmicos e a reparação do pavimento.

Esta informação já tinha sido adiantada ao REGIÃO DE LEIRIA, em setembro, pelo vereador Carlos Palheira, numa entrevista a propósito da candidatura de Leiria a Cidade Europeia do Desporto 2022 e da situação de pandemia.