Assinar Edições Digitais


Covid-19

Covid-19: Leiria atribuiu 300 mil euros em apoios sociais

Verifica-se “um aumento do número de famílias a recorrer” ao programa de arrendamento

O confinamento fez com que as crianças ficassem também em casa

A câmara de Leiria atribuiu 300 mil euros em apoios sociais, que chegaram a mais de 300 famílias e 800 pessoas, beneficiárias das principais medidas de apoio criadas ou reforçadas em 2020 devido à pandemia.

A vereadora do Desenvolvimento Social, Ana Valentim, destaca numa nota de imprensa que “a rede de parceiros tem sido fundamental na divulgação e encaminhamento das famílias para os programas, bem como na ajuda no preenchimento e recolha de documentação para submissão das candidaturas”.

“Com quase 118 mil euros atribuídos, são 214 os agregados familiares a usufruir de apoio no âmbito do Regulamento de Comparticipação ao Arrendamento, sendo que se verifica um aumento do número de famílias a recorrer a este programa”, informa hoje o município, referindo que do Fundo Municipal de Emergência Social o montante atribuído foi de 82 mil euros.

Já o “Programa de Comparticipação em Medicamentos abrangeu 743 beneficiários, num total de 56,6 mil euros, enquanto o Programa Creche para Todos permitiu apoiar 59 crianças, tendo um encargo de 42,7 mil euros”, acrescenta a autarquia.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.