Assinar
Sociedade

Polícia Judiciária detém em Leiria homem suspeito de homicídio

Indivíduo de 38 anos é suspeito de ter matado a ex-sogra

Imagem com a inscrição de Polícia Judiciária no exterior de um edifício

Um cidadão estrangeiro, suspeito da prática de um crime de homicídio, foi detido pela Polícia Judiciária (PJ) na zona de Leiria, em cumprimento de um mandado de detenção internacional, emitido pelas autoridades judiciárias competentes do Brasil.

O indivíduo de 38 anos é suspeito de ter matado com arma de fogo a ex-sogra, em janeiro de 2020. Em nota de imprensa, a PJ informa que, após o incidente, “o arguido pôs-se imediatamente em fuga para a Europa, onde viria a beneficiar do apoio de compatriotas residentes em diversas comunidades deste continente”.

Através do Gabinete Nacional INTERPOL, a PJ teve conhecimento da existência do mandado de detenção internacional, em dezembro de 2020, e encetou “diligências de investigação e recolha de informação, que culminaram na localização e detenção do referido indivíduo em território nacional”.

No estado de origem do suspeito, o crime é punível com pena de prisão até trinta anos.

A PJ informa ainda que o indivíduo foi presente ao Tribunal da Relação de Coimbra, tendo ficado sujeito à medida de coação de prisão preventiva enquanto aguarda o desenrolar dos termos do processo de extradição.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.