Assinar
Região à Mesa

Homenagem à família e à região valem vitória a jovem barman de Porto de Mós

Leandro Sousa, de 18 anos, descende de uma família com créditos firmados na cozinha.

foto do barman Leandro de Sousa com o diploma

Um cocktail que homenageia o avô e um outro, inventado de raiz, que reproduz paladares e odores da região, apostando na sustentabilidade, valeram a um jovem do Arrimal, Porto de Mós, a vitória na competição nacional, Jovem Talento da Gastronomia 2020, na categoria Barman Inter Magazine.

O primo tem um curso de cozinha, o irmão tem licenciatura em gastronomia, a mãe trabalhou na cozinha de um hotel de 4 estrelas, o pai tem formações na área de cozinha e o bisavô de Leandro Sousa era organizador de eventos e banquetes. Não é, pois, grande surpresa que Leandro Sousa, aos 18 anos de idade, tenha acrescentado um degrau neste percurso que parece estar inscrito nos genes. 

O truque da vitória passou por conciliar uma homenagem à família e à região. Foi selecionado como um dos quatro finalistas na categoria de barman, – “a que me fascina mais”, explica – depois de ter enviado fotos e fichas técnicas de dois cocktails. E, na final, a 10 de maio, foi vencedor.

foto do barman Leandro Sousa a preparar um cocktail

Ao REGIÃO DE LEIRIA explica alguns dos segredos na receita da vitória. Reinventou o clássico Negroni, introduzindo-lhe “algumas das bebidas que o meu avô tinha como preferência”, conta. O avô faleceu há cerca de um ano e esta foi “uma homenagem”. A introdução do vinho tinto foi uma das componentes da reinvenção do cocktail que agora se chama “Memory”.

De raiz, criou o cocktail “Raízes”, que remete para esta região. A maçã de Alcobaça, a azeitona e o Gin Azor (produzido em Alcobaça) são alguns dos ingredientes. Somou-lhes ainda um perfume que resgata a identidade das serras de Aire e Candeeiros e utilizou igualmente a salmoura da azeitona, apelando ao conceito de economia circular e à necessidade de evitar o desperdício alimentar, explica. O “Raízes” é “uma homenagem à nossa região e a todas as pessoas que trabalham por ela, é um cocktail de autor, todo pensado e produzido por mim”, refere.

Leandro Sousa foi aluno da Escola de Hotelaria de Fátima, que representou na competição. Soma estágios em diversos pontos do país, incluindo hotéis e restaurantes com estrela Michelin. Entretanto, ingressou num curso de especialização tecnológica na Escola de Hotelaria e Turismo do Estoril. Atualmente, a meio do curso, está a estagiar num bar no Cais do Sodré, em Lisboa.

A sua aposta passa por continuar a formação e o estágio e ingressar no ensino superior, apesar de, adianta, lhe terem surgido diversas oportunidades, inclusive de trabalho.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.