Assinar
Cantinho dos Bichos

Garça-real resgatada em terreno agrícola sem conseguir voar

A ave foi avistada na Bidoeira de Cima, no concelho de Leiria

O animal terá sido encaminhado para o Centro de Recuperação de Animais Selvagens de Montejunto

A hora de almoço de sexta-feira, dia 17, foi tudo menos normal para Daniel Sousa. Habituado a passear nos terrenos florestais junto à sua casa, na Bidoeira de Cima, no concelho de Leiria, cruzou-se com uma visitante pouco habitual naquela zona.

Uma Garça-real estava pousada num terreno agrícola, ferida e impossibilitada de voar. Ao vê-la, o jovem iniciou alguns contactos junto de pessoas próximas, procurando a melhor forma de a ajudar. O pai, Júlio Sousa, dirigiu-se prontamente ao local.

“Era notório que [a ave] não estava bem, desde logo por permanecer largos minutos no mesmo local”, começam por explicar, adiantando que “era percetível um movimento anormal na asa direita, que a impedia de levantar voo”.

Foi ao tirar algumas fotografias que repararam no ferimento na asa: “Sempre que nos aproximávamos dela, tentava fugir. Tinha a reação natural de tentar levantar voo, mas não conseguia”, afirmam.

Pai e filho contactaram a GNR e em cerca de uma hora a ave foi recolhida. O militar da GNR confirmou a existência de uma ferida na asa direita, com vestígios de sangue, e referiu que “teria sido causada por um predador, como uma raposa”.

A ave terá sido encaminhada para o Centro de Recuperação de Animais Selvagens de Montejunto. O REGIÃO DE LEIRIA tentou, sem sucesso, contactar o CRASM.

Para Júlio e Daniel Sousa este foi um dia diferente, em que se sentiram bem por terem ajudado. “Vivemos próximo de uma zona rural e de floresta, da qual desfrutamos bastante, pelo que sentimos que também devemos estar atentos e contribuir para a preservação da natureza e dos animais”, completam.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.