Assinar
Caldas da Rainha

Reserva Natural do Paul de Tornada celebra 13 anos com sessão de anilhagem de aves

A celebração do aniversário acontece este sábado e conta com uma atividade ligada às aves migratórias.

A Reserva Natural Local do Paul de Tornada, em Caldas da Rainha, comemora este sábado, dia 2, mais um aniversário.

A celebração é destinada para públicos de várias idades e acontece no Centro Ecológico Educativo do Paul de Tornada (CEEPT), onde haverá uma sessão de anilhagem de aves.

O programa do 13º aniversário começa bem cedo. Pelas 6 horas há uma sessão de anilhagem, que se estende até às 11 horas, sendo possível participar em qualquer momento. Os observatórios da reserva vão estar também abertos ao público, para que se possa conhecer um pouco mais o local.

A anilhagem de aves é um método de investigação científica que visa estabelecer e conhecer uma série de padrões populacionais nas aves, como a taxa de sobrevivência, as rotas migratórias, áreas de pouso ou paragem, e ainda o sucesso reprodutor das populações de aves. As aves são capturadas e analisadas, sendo-lhes, posteriormente, colocadas anilhas com uma combinação de caracteres únicos para cada uma delas. Depois, são libertadas e acompanhados os seus movimentos por via dos meios tecnológicos.

Com uma área de aproximadamente 53 hectares, a reserva do Paul de Tornada serve de refúgio a inúmeras aves migratórias, e alberga permanentemente, muitas espécies de animais, como aves, mamíferos, répteis, peixes e anfíbios, algumas destas raras ou vulneráveis.

A gestão desta reserva é da responsabilidade da Câmara das Caldas da Rainha em cooperação com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), o Grupo de Estudos de Ordenamento do Território e Ambiente (GEOTA) e a Associação de Defesa do Paul de Tornada – PATO.

Teresa Lemos, coordenadora do GEOTA, em comunicado, realça a importância de assinalar esta data, bem como a participação dos cidadãos na educação ambiental.

“Celebrámos, recentemente, o aniversário do CEEPT, e agora comemoramos o da Reserva. Para nós, tem sido muito gratificante trabalhar na formação e participação do cidadão em educação ambiental, em conjunto com os nossos parceiros, na Reserva Natural Local do Paul de Tornada. Este marco dá-nos a motivação necessária para continuarmos a dinamizar atividades e a promover a sensibilização ambiental”, diz. As comemorações terminam com o corte de bolo.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.