terrorismo

Atentado em Barcelona: “Ninguém está preparado para sair à rua e ouvir gritos”

Uma carrinha atropelou, na tarde desta quinta-feira, várias pessoas no centro de Barcelona. O autoproclamado Estado Islâmico já reivindicou o atentado. Ana Rita Portugal, jovem trabalhadora e estudante de jornalismo, natural de Leiria, a viver há escassos meses em Barcelona, deixa o relato de como foram os momentos subsequentes ao ataque terrorista.

Subscreva!

Newsletters RL

Saber mais

Ao subscrever está a indicar que leu e compreendeu a nossa Política de Privacidade e Termos de uso.