Assinar Edições Digitais
Sociedade

Batalha reclama rotunda no IC2 após acidente grave

A Câmara da Batalha voltou hoje a reclamar a construção de uma rotunda no IC2, no cruzamento que faz a ligação com a antiga EN 356.

A Câmara da Batalha voltou hoje a reclamar a construção de uma rotunda no IC2, no cruzamento que faz a ligação com a antiga EN 356.

Em comunicado, a autarquia revelou que António Lucas, líder do município da Batalha “voltou hoje a alertar as Estradas de Portugal através de comunicação escrita, para a necessidade imperiosa de se ver resolvido o acesso ao IC2 (sentido Batalha/Leiria), através da construção de uma rotunda, para as viaturas que entram nesta via rodoviária vindas da antiga EN 356”.

A tomada de posição do autarca surge depois de esta manhã se ter registado mais “um aparatoso acidente, de que resultaram elevados prejuízos materiais e um ferido grave a lamentar”, acrescenta o documento.

Recorde-se que esta manhã, uma auto caravana e um veículo pesado estiveram envolvidos num acidente no referido entrocamento.

Na comunicação endereçado às Estradas de Portugal, António Lucas sublinha que a reclamação da autarquia é antiga visando a “resolução do grave problema do entroncamento, com base na perigosidade do mesmo, tendo em consideração a necessidade de cruzamento das duas faixas de rodagem, para as viaturas entrarem no IC 2, no sentido Batalha/Leiria”.

A instalação de uma rotunda seria “um investimento relativamente barato e que tornaria o entroncamento seguro”, defende o autarca.