Assinar Edições Digitais
Cultura

Campanha Afonsina de Cristina Nobre traz novidades em 2013

Fazer chegar Afonso Lopes Vieira às pessoas, nem que seja por meios inesperados, é o objetivo da Campanha Afonsina impulsionada pela investigadora Cristina Nobre.

Depois de ter divulgado antes do Natal a “receita” para um livro de poesias de Afonso Lopes Vieira (ALV) como “o POETA gostaria” (com download gratuito de uma seleção de textos e instruções para sua impressão em papel manteiga e encadernação com cordel ou fio de coro avermelhado), a investigadora Cristina Nobre prossegue em 2013 a sua Campanha Afonsina.

Casa-Museu Afonso Lopes Vieira (fotografia: Joaquim Dâmaso)

Já no início do ano, uma novidade: a 26 de janeiro é lançado o livro com o inventário de peças do acervo da Casa-Museu ALV em S. Pedro de Moel. “Um livro belíssimo”, sublinha a autora, que esteve um ano envolvida no projeto.

“Quis muito que a apresentação acontecesse a 26 de janeiro, 135 anos depois do nascimento de ALV e 67 anos após a morte dele. É quase uma homenagem ao poeta, um dos primeiros poetas mediáticos que tivemos. Devo-lhe isso”.

Depois, a campanha prosseguirá: “É uma ideia que surgiu numa entrevista que fiz ao mestre Joaquim Correia. Ele disse que era preciso uma Campanha Afonsina e aquilo ficou-me como uma missão. Por isso tenho tentado levar ALV às pessoas por meios inesperados”.

O lançamento do livro sobre o espólio da Casa-Museu está agendado para 26 de janeiro, no espaço que era a casa de férias de ALV em S. Pedro de Moel. Em Leiria, a obra é apresentada a 9 de fevereiro, na Biblioteca Afonso Lopes Vieira.

(Notícia publicada na edição de 3 de janeiro de 2013)

ML