Assinar Edições Digitais
Desporto

Estádio de Leiria recebe final da Taça da Liga a 26 de abril

A “centralidade geográfica” e as próprias condições do estádio são, no entendimento da autarquia, pontos fortes que podem responder às necessidades da competição.

A final da Taça da Liga 2013/2014 vai realizar-se no Estádio Municipal de Leiria a 26 de abril.

Foto: Joaquim Dâmaso
Foto: Joaquim Dâmaso

Ontem, segunda-feira, a Liga Portuguesa de Futebol Profissional anunciou que o jogo que vai decidir o vencedor da competição vai acontecer em Leiria. Recorde-se que a autarquia de Leiria candidatou-se a acolher o evento, depois de nas  finais das três primeiras edições, entre 2007/2008 e 2009/2010, terem sido disputadas no Estádio Algarve, em Faro/Loulé, e as mais recentes, entre 2010/2011 e 2012/2013, no Estádio Cidade de Coimbra.

“O município de Leiria candidatou-se a receber a final da Taça da Liga no Estádio Municipal de Leiria, atendendo a que se trata de uma oportunidade para promover a cidade e a região devido à visibilidade do evento, uma vez que estão previstas várias transmissões televisivas ao longo da semana que antecede o jogo”, adiantou o vereador do Desporto, Gonçalo Lopes, ao REGIÃO DE LEIRIA, em janeiro passado. A “centralidade geográfica” e as próprias condições do estádio são, no entendimento da autarquia, pontos fortes que podem responder às necessidades da competição.

Com o Rio Ave já apurado para a final, importa saber quem será o outro finalista. Falta jogar-se o encontro das meias finais entre o Benfica e o FC Porto ou o Sporting. Recorde-se que o Sporting recorreu para o Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, alegando que existiu dolo por parte do FC Porto ao começar o jogo com o Marítimo com três minutos de atraso.

No entanto, o Conselho de Disciplina da Federação não deu provimento à posição do Sporting e entendeu que será o FC Porto irá defrontar o Benfica nas meias-finais da Taça da Liga,  decisão tomada na última semana. Mesmo assim, multou o clube portista pelo atraso em 383 euros. Dado que o Sporting ainda pode recorrer da decisão para o Conselho de Justiça, as datas possíveis para a realização da meia-final e mesmo da final podem ser alteradas.