Assinar Edições Digitais
Sociedade

Quatro detidos na Marinha Grande e Maceira por suspeita de furtos de tabaco e viaturas

Quatro homens foram detidos e dois constituídos arguidos esta manhã por suspeita de dezenas de furtos de máquinas de tabaco e viaturas na zona da Marinha Grande, Leiria e concelhos vizinhos.

Quatro homens foram detidos e dois constituídos arguidos esta manhã por suspeita de dezenas de furtos de máquinas de tabaco e viaturas na zona da Marinha Grande, Leiria e concelhos vizinhos.

A operação, conduzida pela esquadra da PSP da Marinha Grande, resulta de uma investigação iniciada há vários meses e que culminou com três mandados de detenção fora de flagrante delito, quatro mandados de busca domiciliária e três mandados de busca em viatura. Dois indivíduos foram detidos na Marinha Grande e dois na Maceira, adiantou fonte policial ao REGIÃO DE LEIRIA.

No decorrer desta ação, apelidada “Vida Loka”, foram ainda constituídos arguidos mais dois homens que estarão relacionados com aqueles ilícitos.

Os quatro suspeitos, com idades entre os 19 e os 31 anos – alguns já referenciados pelo mesmo tipo de crimes – estão indiciados pela prática de furto qualificado, furto e uso de veiculo automóvel e associação criminosa, refere a PSP em comunicado.

Para perpetrar os assaltos, os indivíduos furtavam veículos que usavam para arrombar as montras dos estabelecimentos comerciais e para transportar as máquinas de tabaco que abandonavam depois de retirar o dinheiro e o tabaco do seu interior.

As buscas que decorreram durante a madrugada e manhã e envolveram cerca de 50 elementos da esquadra da Marinha Grande, do Comando Distrital de Leiria, do Corpo de Intervenção da Unidade Especial de Polícia e da GNR, permitiram apreender 123 maços de tabaco, cerca de 200 euros em dinheiro, nove telemóveis, três televisores, dois computadores/portáteis e um tablet, entre outros objetos.

Foram ainda recuperadas uma máquina dispensadora de tabaco e uma viatura furtada.

As investigações prosseguem mas a PSP acredita ter contribuído com esta operação para a diminuição deste tipo de assaltos na região.

Os detidos vão ser presentes amanhã a tribunal para primeiro interrogatório judicial e aplicação de medidas de coação.

MR