Select Page

Jornalista do REGIÃO DE LEIRIA distinguido com o prémio “Diversidade Cultural”

Carlos S. Almeida, jornalista do REGIÃO DE LEIRIA, foi esta segunda-feira distinguido com o prémio “Diversidade Cultural”, pelo trabalho “Primeira igreja não católica de Leiria cumpre um século de luta contra a discriminação”, publicado a 22 de setembro de 2016.

O prémio “Diversidade Cultural” é uma iniciativa do Alto Comissariado para as Migrações e distingue trabalhos com um contributo relevante para a promoção da diversidade cultural, o combate à discriminação em função da nacionalidade, etnia, religião ou situação documental.

A reportagem de Carlos Almeida venceu na categoria “Órgãos de Informação Regionais e Locais”.

Nesta terceira edição do prémio, o vencedor foi “Eu vim de longe, os novos povoadores do interior português”, de Ricardo Jorge Rodrigues, publicado na revista Notícias Magazine. “A geração de ‘portugueses imigrantes’ a viver em Portugal”, de Joana Gorjão Henriques, jornal Público venceu na categoria Imprensa Escrita; “Jamaika também é Portugal”, de Rita Colaço, Antena 1, venceu na categoria Rádio; e “Renegados”, de Sofia Pinto Coelho, Filipe Ferreira, Rui Berton, Isabel Cruz, José Dias e Diana Matias, SIC, na categoria Televisão.

No fotojornalismo, o vencedor foi José Carlos Carvalho, com o trabalho “Nós Muçulmanos”, publicado na revista Visão. O prémio Jovem foi arrecadado por Cátia Cristina da Silva Orvalho, Gonçalo Tomás Marques de Brito Jacob, Luísa Ribeiro Geraldes Lino e Rafael André Silva de Pina, da Escola Secundária Pinheiro e Rosa – Agrupamento de Escolas Pinheiro e Rosa, Faro, com o trabalho “Rostos de Guerra”. Já o teaser Estoril Conferences 2017”, de Alexandre Borges, venceu na categoria Diversidade nos Guiões.

Os prémios “Diversidade Cultural” 2017 foram entregues esta segunda-feira, 18 de dezembro, numa cerimónia na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa.

Este ano, estiveram 32 trabalhos a concurso, avaliados por um júri constituído por Clara Almeida Santos, vice-reitora para a Cultura e a Comunicação da Universidade de Coimbra, Fernando Cascais, professor de Comunicação Social e jornalista, Lívio de Morais, professor e artista plástico, e Pedro Santos Pereira, jornalista.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Siga-nos

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Primeira Página

Pergunta da semana

A carregar

Concorda com a criação de um imposto para financiar a Proteção Civil?

Obrigado pelo seu voto!
Já votou nesta pergunta!
Selecione uma das opções!

Semana de Moldes 2018

Share This