Uma massa de ar polar, proveniente da Irlanda, chega amanhã, quinta-feira, a Portugal e vai fazer descer abruptamente as temperaturas sentidas, segundo previsão do Instituto Português do mar e da Atmosfera (IPMA).

Em Leiria, nos próximos dias, está prevista uma temperatura máxima de 13 graus Celsius na sexta-feira. Sábado, a mínima vai rondar os 4 graus. Ainda assim, um pouco melhor do que em Bragança e na Serra da Estrela, onde se esperam temperaturas próximas de zero.

Segundo o IPMA, as máximas vão descer 8 graus a partir de quinta-feira, prevendo-se ainda vento forte (sobretudo no litoral norte e Serra da Estrela) e queda de neve em algumas regiões acima dos mil metros, como nas serras do Gerês, Montemuro, Montesinho, Marão e Estrela.

Citada pela agência Lusa, a meteorologista Ângela Lourenço explica que a descida brusca da temperatura está relacionada com a entrada de uma massa de ar muito frio, ar polar, que vem de norte, da Irlanda.

“De destacar que amanhã [quinta-feira] a descida da temperatura não será só acentuada, mas também acompanhada de vento forte. Estes dois fatores conjugados vão dar um desconforto térmico, o que significa que as pessoas vão sentir mais frio do que aquele que é registado através das temperaturas”, sublinha.

Por causa do mau tempo, o IPMA emitiu também aviso amarelo para Leiria e mais seis distritos do continente (Viana do Castelo, Braga, Porto, Aveiro, Coimbra e Lisboa), devido à agitação marítima, que passará a laranja na quinta-feira, prevendo-se ondas com 5 a 7 metros.

A partir de domingo, a expectativa é que as temperaturas subam, mas não significativamente. Contudo, ficarão em níveis “mais elevados do que durante este episódio de tempo frio que teremos nos próximos dias”, indica a meteorologista.