Select Page

Há uma mão cheia de leirienses a brilhar no mundial do Paraguai

André Lourenço (3) e Rúben Brilhante (6) estreiam-se na competição. Jordan Santos (5) quer reconquistar o título Foto: FPF

O mundial de futebol de praia começa hoje, quinta-feira, mas Portugal é notícia pelas melhores razões. A equipa nacional de futebol de praia está no Paraguai para disputar a terceira conquista da prova e entre os 12 convocados leva o atleta mais jovem da prova e o melhor do mundo da modalidade. Ambos da Nazaré.

Depois das vitórias alcançadas em 2019 nos Jogos Olímpicos de Minsk, Mundialito de Futebol de Praia e no Campeonato da Europa, Portugal entra amanhã, sexta-feira, em campo e tem a final no dia 1 de dezembro como principal objetivo, recuperando o título de campeão do Mundo alcançado em 2001 e 2015.

Aos experientes Madjer, Belchior, Torres e, o Cristiano Ronaldo do futebol de praia, Jordan Santos, juntam-se alguns estreantes.

Um deles é Rúben Brilhante. Natural da Nazaré, é o atleta mais novo na competição e voltou a merecer a confiança do selecionador Mário Narciso. Esteve no ouro nos Jogos Olímpicos de Minsk, em junho, e quer continuar a ajudar Portugal. “Tem sido uma experiência muito positiva. Todo este ano 2019 tem sido fenomenal e muito importante para mim. Ser o mais novo do Campeonato do Mundo deixa-me feliz e muito orgulhoso. É o reconhecimento do meu trabalho. Estar aqui junto dos melhores jogadores de futebol de praia é algo claramente benéfico para mim. Só tenho que aproveitar isso”, disse o atleta, de 18 anos. Se Portugal vencer a final, a festa do 19º aniversário de Rúben Brilhante dificilmente será esquecida.

A seu lado Rúben Brilhante terá o conterrâneo Jordan Santos, recentemente eleito melhor jogador de futebol de praia do mundo.

Esta época, o “CR7 do futebol de praia” conquistou o Euro Winners Cup, o Mundialito de Clubes, o Campeonato Nacional e a Taça de Portugal de futebol de praia, além dos títulos pela seleção nacional.

Ao REGIÃO DE LEIRIA, Jordan Santos diz que o galardão é motivo de “muito orgulho e satisfação, e o atingir do topo de uma carreira recheada de títulos importantes”.

“Se tivesse de acabar a minha carreira hoje, acabaria feliz”, acrescenta. Já com os olhos postos no Mundial, o jogador olha para o futuro com a “mesma ambição, vontade e dedicação”. Sempre em busca de alcançar “os melhores resultados coletivamente”.

Quem também integra a comitiva são os leirienses André Lourenço, outro estreante, o treinador adjunto Luís Bilro, e o fisioterapeuta Luís Nascimento.

A estreia de Portugal no Grupo D do Mundial será frente à Nigéria, esta sexta-feira, dia 22, às 20h50 (hora portuguesa) e poderá ser acompanhada em direto na RTP2. Dois dias depois, segue-se o Brasil, às zero horas, , na RTP1, e a fase de grupos termina no confronto com Omã, no dia 26, pelas 20h50 (hora portuguesa), novamente na RTP2. A final do mundial está agendada para 1 de dezembro.

Trackbacks / Pingbacks

  1. Há uma mão cheia de leirienses a brilhar no mundial do Paraguai – Arquivo de Memória. Amor - […] Fonte: in site Região de Leiria […]

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Primeira Página

Pergunta da Semana

A carregar

Concorda que a Agência Mundial Antidopagem tenha proibido a Rússia, durante quatro anos, de participar em todas as competições desportivas globais?

Obrigado pelo seu voto!
Já votou nesta pergunta!
Selecione uma das opções!

Publicidade

Newsletter Região de Leiria

app repórter no mundo