O Parque Tecnológico de Óbidos anunciou que empresas nele instaladas estão a desenvolver ações para mitigar os impactos da Covid-19 junto da comunidade, como produção de viseiras, soluções para salas de aula virtuais, apoio a jovens info-excluídos e uma plataforma de serviços online.

Em comunicado, o Parque Tecnológico de Óbidos informou na quinta-feira, 16, que mais de cem viseiras foram entregues às corporações de bombeiros do Bombarral, Óbidos e Caldas da Rainha, à GNR de Caldas da Rainha e à Santa Casa da Misericórdia do Bombarral, estando ainda prevista a entrega mais exemplares à Proteção Civil de Óbidos e de Peniche, para distribuir por IPSS de ambos os concelhos.

Responsáveis e colaboradores de empresas do parque integram ainda grupos de ajuda à comunidade e são responsáveis pelo lançamento da plataforma fique-em-casa.pt, que reúne mais de 300 serviços online – desde minimercados e mercearias a hipermercados, passando por farmácias, comida em casa, tecnologia, iniciativas de voluntariado, entretenimento, e até sugestões para os mais pequenos.

No domínio da educação, a Ipdroid ativou um acesso a salas de aula virtuais, que está a servir uma turma de 24 alunos do ensino básico do Complexo dos Arcos (Agrupamento de Escolas Josefa de Óbidos) e várias empresas disponibilizaram computadores a alunos e formação a professores.