O foco de infeção de Covid-19 no lar da Misericórdia de Aljubarrota, em Alcobaça, onde 35 utentes e funcionários testaram positivo até esta terça-feira, dia 16, “é uma verdadeira catástrofe”.

“Infelizmente, uma verdadeira catástrofe ocorreu na Santa Casa de Misericórdia de Aljubarrota. Neste momento (18h50), já se pode afirmar que dos 35 utentes do lar, 29 acusaram positivo nos testes à Covid-19”, revelou o presidente da câmara municipal, Paulo Inácio.

“Encontram-se já encerradas as suas unidades de creche e de pré-escolar e durante esta madrugada iremos aguardar os resultados de testes a 53 funcionários, sendo que em nove já testados, seis deram positivo”, adianta.

Na sua página de Facebook, onde revelou a situação do lar, Paulo Inácio, “dada a gravidade da situação, apela à população que reforce os seus cuidados de proteção pessoal e de distanciamento social”, acrescentando que “amanhã de manhã uma equipa da GNR irá fazer uma descontaminação integral das instalações da Misericórdia de Aljubarrota”.

O foco na foi conhecido no sábado, na sequência do internamento de dois idosos “com patologias respiratórias” no hospital de Leiria, onde “foram testados com resultado positivo para a Covid-19”, disse o provedor da instituição, José Carvalho.