Pelo segundo dia Portugal volta a verificar uma quebra no número de casos positivos. Depois de ontem se terem registado 135, o número mais baixo de infeções desde 11 de maio, hoje, terça-feira, o valor de resultados positivos é de 127.

Dos casos de infeção confirmados, 101 dos quais verificam-se na região de Lisboa e Vale do Tejo. A zona Norte tem 16 novos casos, a zona Centro tem seis, o Algarve tem dois e o Alentejo e os Açores têm um caso cada. A região da Madeira continua sem novos casos.

Portugal volta a registar mais seis óbitos por covid-19, o que eleva para 1697 as mortes associadas à infeção pelo novo coronavírus, desde o início da pandemia.

O número de doentes dados como recuperados também registou um aumento, havendo hoje mais 222 pessoas recuperadas, registando-se agora um total de 33.769 recuperações.

A boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) hoje divulgado dá conta ainda de menos 15 internamentos nas últimas 24 horas, passando de 454 doentes internados para 439, com mais um doente em unidades de cuidados intensivos, face ao dia de ontem, ou seja, 62.

Mais dois óbitos em Caldas da Rainha

Um caso positivo em Leiria e outro em Porto de Mós, eleva para 880 o total de casos confirmados de Covid-19 na região (distrito de Leiria e concelho de Ourém), dos quais 226 permanecem ativos.

Fonte: Comissão Distrital de Proteção Civil de Leiria, CimOeste Cim Médio Tejo e municípios

Nas últimas 24 horas, sete pessoas recuperaram da infeção: uma no concelho do Bombarral, três em Figueiró dos Vinhos, uma em Leiria, uma em Caldas da Rainha e outra em Peniche. Na região, 615 pessoas já se encontram recuperadas.

Há ainda a lamentar duas mortes associadas à Covid-19, ambas em Caldas da Rainha. O município é o segundo da região com mais mortes associadas à doença, seis, a seguir a Pombal que regista 10 falecimentos. São já 39 o total de óbitos verificados na região, desde o início da pandemia, em março passado.