Assinar Edições Digitais


Bebé nasce em ambulância dos Bombeiros da Marinha Grande

Este é o segundo parto a que Hugo Prista e Erica Batalha deram apoio ao serviço da corporação

Uma menina nasceu ontem à noite, domingo, numa ambulância dos Bombeiros Voluntários da Marinha Grande, quando a mãe estava a ser transportava para o hospital de Leiria.

Os bombeiros Hugo Prista e Erica Batalha destacam a “sensação muito boa” de poderem ter ajudado no nascimento da menina – Foto: BVMM

O alerta para o transporte de “uma jovem grávida em fim de tempo, com contrações”, residente na Embra, chegou via CODU – Centro de Orientação de Doentes Urgentes às 21h34. Quando chegaram ao local, os bombeiros Hugo Prista e Erica Batalha solicitaram apoio médico e foram ao encontro da Viatura Médica de Emergência e Reanimação, rumo a Leiria.

A bebé contudo não quis esperar e a equipa teve de parar na zona de Albergaria para prestar assistência à parturiente. O parto realizou-se às 21h58 “com sucesso” tendo mãe e filha sido conduzidas ao Hospital de Santo André depois de estabilizadas, e avaliadas pela equipa médica.

Este não é o primeiro parto que Hugo Prista e Erica Batalha assistiram ao longo das respetivas carreiras, tendo os dois já dado apoio, em momentos diferentes, a um nascimento.

Segundo Vítor Graça, comandante da corporação, os partos em ambulância não são frequentes. O mais recente caso, que envolveu a participação dos bombeiros da Marinha Grande, ocorreu há cerca de dois meses em casa da parturiente com assistência médica no local.