Assinar
Autárquicas 2021

Alvaiázere: PSD tenta segurar presidência em ano de mudança de ciclo

Cinco candidatos concorrem à presidência da Câmara de Alvaiázere no próximo dia 26 de setembro. Conheça as suas prioridades.

Alvaiázere

População residente 6.227
Eleitores 5.993
Freguesias 5
Câmara Municipal 5 eleitos
Assembleia Municipal 20 eleitos

Em Alvaiázere, a grande surpresa das eleições de setembro de 2021 chegou com quase um ano de antecedência: em novembro de 2020, a presidente da Câmara Municipal de Alvaiázere eleita pelo PSD, Célia Marques, anunciava que estava fora da corrida. A autarca tinha sido escolhida pelos eleitores em 2017, depois de ter chegado à presidência da câmara no mandato anterior, via demissão do então presidente.

O PSD encontrou o seu candidato na pessoa de João Paulo Guerreiro, um gestor que conta com 12 anos como deputado municipal no currículo autárquico.

Esta mudança de ciclo pode ser a oportunidade para oposição, numa câmara que é consistentemente PSD. Desde 1985 que o partido governa os destinos deste concelho do Pinhal Interior Norte, com votações que ultrapassam sempre 50%.

É preciso recuar às primeiras eleições autárquicas em democracia para encontrar uma vitória do PS em Alvaiázere. Foi em 1976 e não voltou a acontecer em votos a contar para a câmara municipal. Se a lista liderada pelo economista de 55 anos, Carlos Simões, quiser ultrapassar o PSD, terá que se lembrar dos 650 votos que separaram socialistas de sociais-democratas em 2017, uma desvantagem que se torna mais difícil de esbater num concelho com a população a encolher. Carlos Simões é atualmente vereador, foi presidente da Assembleia de Freguesia de Alvaiázere e presidente da Junta de Freguesia de Maçãs do Caminho (extinta em 2013), cargo para o qual foi eleito como independente.
Pelo meio, mete-se o movimento independente do professor de música e empresário, António Cardo. Aos 54 anos, o candidato estreia-se em eleições e pode baralhar a contas.

À direita, os atores mudaram. O CDS, que tinha recolhido 12,43% há quatro anos, não vai a jogo. Entra em cena o Chega, numa estreia em autárquicas, apresentando como candidato Rui Fernandes, de 29 anos. Difícil será a tarefa da CDU que, em Alvaiázere, costuma obter resultados residuais.

Conheça, de seguida, a opinião dos cinco candidatos em Alvaiázere.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.