Assinar
Covid-19

Covid-19: Nazaré é o concelho da região com maior incidência cumulativa de casos nos últimos 14 dias

Concelho está entre os dez municípios do país com maior número de casos acumulados. Em sentido inverso, Figueiró dos Vinhos repete uma incidência de zero casos.

imagem microscópica em 3D do coronavírus

Dos 17 concelhos da região de Leiria, apenas quatro apresentam um valor de incidência cumulativa, nos últimos 14 dias, superior à “barreira” dos 120 casos por 100 mil habitantes.

De acordo com os dados divulgados ontem, sexta-feira, pela Direção Geral da Saúde (DGS), no período entre 23 de setembro e 6 de outubro, Nazaré, Pedrógão Grande e Bombarral eram os municípios com maior incidência na região, nomeadamente 449, 351 e 237 casos por 100 mil habitantes. Alcobaça tem 134 casos de infeção por Covid-19 por 100 mil habitantes.

A situação da Nazaré agravou comparativamente ao período anterior (16 a 29 de setembro), quando o concelho da vila piscatória registava uma incidência cumulativa de 421 casos de infeção por 100 mil habitantes. Nessa data, a Nazaré era o sexto concelho a nível nacional com maior incidência. Já o último relatório deixa a Nazaré na sétima posição nacional, como o município com maior incidência.

Acima dos 100 casos por 100 mil habitantes está ainda Ourém, com 113 casos.

Caldas da Rainha com 97 casos, Óbidos com 83, Castanheira de Pera com 78, e Leiria com 54 casos por 100 mil habitantes seguem na lista divulgada ontem pela DGS.

Com os casos positivos a reduzir significativamente, acompanhando a tendência nacional, abaixo dos 50 casos por 100 mil habitantes estão Pombal (46), Marinha Grande (44), Batalha (43), Ansião (25), Peniche (22), Alvaiázere (15) e Porto de Mós (9).

Na região de Leiria, apenas um concelho não apresenta o registo de qualquer caso positivo de Covid-19, entre 23 de setembro e 9 de outubro: Figueiró dos Vinhos, mantendo a tendência da análise efectuada no período anterior e descrita no balanço semanal divulgado, ontem, pela Proteção Civil distrital.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.