Assinar
Cantinho dos Bichos

Fotografia subaquática no polje de Minde volta a conquistar prémio internacional

O autor, João Rodrigues, tem ligações familiares a Leiria, onde viveu na infância e adolescência.

Um casal de salamandras, a copular, entre um emaranhado de galhos no polje de Mira-Minde, em Mira de Aire. É este o momento captado pela lente de João Rodrigues e que voltou a ganhar um prémio internacional, desta vez o Wildlife Photographer of the Year 2021.

A imagem foi captada em janeiro de 2020 Foto: João Rodrigues | National Geographic Portugal

A fotografia do fotojornalista, cineasta e biólogo marinho, que tem ligações familiares a Leiria, onde viveu na infância e adolescência, foi distinguida na categoria “Comportamento: Anfíbios e Répteis”, no concurso do Museu de História Natural de Londres.

Em março, a imagem subaquática já tinha vencido o Underwater Photographer of the Year 2021 e foi publicada pela primeira vez na edição portuguesa da revista National Geographic, no mesmo mês.

Na ocasião, João Rodrigues confessou o fascínio pelo fenómeno do polje de Mira-Minde, que em anos mais chuvosos cria um lago onde, por vezes, é possível navegar de barco.

Em janeiro de 2020, o premiado decidiu mergulhar pela primeira vez nas águas do polje e foi “enquanto documentava as árvores submersas”, a três metros de profundidade, que captou o momento entre os anfíbios.

A viver no Algarve desde 2007, João Rodrigues trabalha na luta pela conservação das espécies marinhas em risco de extinção.

No final do ano passado, o documentário “Cavalos de Guerra”, esteve no International Environmental Film Festival of Patagonia, na Argentina, e no San Pedro International Film Festival, na Califórnia (EUA).

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.