Assinar
Cultura

Casos de Covid-19 provocam mudanças no Encontro de Teatro de Pombal

Duas peças previstas para serem apresentadas esta sexta-feira e sábado no Teatro-Cine são substituídas por duas outras propostas.

"Fios mágicos" é uma das propostas que entra no programa do Encontro de Pombal, para ver sábado à noite

Dois dos quatro espetáculos previstos para a nona edição do Encontro de Teatro de Pombal foram alterados em virtude de terem sido detetados casos positivos de Covid-19 nas equipas técnicas e artísticas de duas das companhias convidadas, anunciou o Teatro Amador de Pombal.

Desta forma, o espetáculo “Magalhães e Elcano”, da Ajidanha, é retirado do programa, sendo apresentado no seu lugar, na sexta-feira, dia 14, às 21h30, “Semente – O homem que plantava árvores”, também da companhia de Idanha-a-Nova.

Pelos mesmos motivos, fica sem efeito a representação em Pombal de “Não há assassinos no paraíso”, da Gambuzinos com 1 Pé de Fora, que é substituído no sábado, dia 15, às 21h30, por “Fios mágicos”, da Marionetas Rui Sousa.

Sem alteração está o espetáculo que abre o Encontro de Teatro de Pombal, quinta-feira, dia 13, às 21h30: “8º Mandamento”, do ADAC Teatro; também se mantém, a fechar, domingo, dia 16, às 17 horas, a peça do Teatro Amador de Pombal, “O banquete”. Todos os espetáculos acontecem no Teatro-Cine de Pombal, com bilhetes a 3 euros.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.