Select Page

Tribunal absolve mulher acusada de queimada que contribuiu para fogo no Pinhal de Leiria

Tribunal absolve mulher acusada de queimada que contribuiu para fogo no Pinhal de Leiria

A mulher acusada de ter sido a autora de uma queimada, cujo reacendimento terá contribuído para os incêndios de outubro de 2017 no Pinhal de Leiria, foi absolvida, esta segunda-feira, pelo Tribunal de Alcobaça.

A juíza Ana Sofia Castelhano concluiu que, após a prova testemunhal, “não resulta provada a autoria do crime” que lhe foi imputado.

A mulher, de 68 anos, estava a ser julgada no Tribunal de Alcobaça, acusada da autoria de uma queimada, na Burinhosa, que teria dado origem a um incêndio no dia 15 de outubro de 2017, cujo reacendimento teria depois contribuído para o fogo na Mata Nacional de Leiria.

 

SV

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Primeira Página

Pergunta da Semana

A carregar

Concorda que a Agência Mundial Antidopagem tenha proibido a Rússia, durante quatro anos, de participar em todas as competições desportivas globais?

Obrigado pelo seu voto!
Já votou nesta pergunta!
Selecione uma das opções!

Publicidade

Newsletter Região de Leiria

app repórter no mundo