Momento de entrega de uma viatura ligeira de passageiros ao Centro Hospitalar de Leiria Foto: Joaquim Dâmaso

“É sempre muito bom voltar a casa e por detrás de cada máscara conseguir reconhecer a cara de quase cada um”, disse António Sales, Secretário de Estado da Saúde, esta manhã, na assinatura de um protocolo para oferta de uma viatura da LPM – Comércio Automóvel à nova Unidade de Hospitalização Domiciliária (UHD) do Centro Hospitalar de Leiria (CHL).

A cerimónia decorreu no Hospital de Leiria e contou também com a presença de Licínio de Carvalho, presidente do Conselho de Administração do CHL, Joaquim Paulo Conceição, presidente do Conselho de Administração da LPM, Gonçalo Lopes, presidente da Câmara de Leiria, bem como alguns profissionais de saúde.

Para Licínio de Carvalho esta foi uma “cerimónia simples, mas cheia de valor e significado” que marca o início da atividade da Unidade de Hospitalização Domiciliária (UHD).

A nova unidade destina-se a doentes com necessidades assistenciais hospitalares na sua própria casa, “com todos os procedimentos técnicos e segundo os mesmos parâmetros de qualidade do internamento” do CHL, explica Licínio de Carvalho.

“É uma alternativa ao internamento convencional que permite reduzir complicações e infeções hospitalares”, acrescenta.

O novo serviço funciona 24 horas por dia, todos os dias, com uma equipa composta por cinco médicos, oito enfermeiros e um assistente técnico, contando com o apoio dos outros serviços do hospital.

De acordo com o presidente do Conselho da Administração do CHL, a nova UHD envolveu um investimento de 70 mil euros, dos quais 37 mil destinaram-se a obras de adaptação e 33 mil a equipamento.

“Projetamos até ao final do ano ter 10 camas de hospitalização domiciliária, o que permitirá tratar cerca de 160 doentes ainda no ano corrente”, avança Licínio de Carvalho.

No decorrer da cerimónia houve ainda espaço para uma intervenção de Joaquim Paulo Conceição, presidente do Conselho de Administração da LPM, a empresa que ofereceu uma viatura ligeira de passageiros à nova UHD do CHL.

Para o empresário, “as empresas têm de ter esta responsabilidade social de retorno de parte daquilo que vão ganhando a bem da sociedade, que ajudou a gerar essa riqueza”.

Joaquim Paulo Conceição considera que este foi “um dia especial” e uma oportunidade para “agradecer em nome da região o trabalho que, em termos nacionais, tem sido feito durante esta pandemia”, dirigindo-se ao Secretário de Estado da Saúde.

No seu discurso não esqueceu os profissionais de saúde do Hospital de Leiria que acredita que “conduziu uma das regiões do país onde esta situação foi mais pacífica”.

Veja em baixo o registo em vídeo do momento da entrega da viatura.

Pandemia não ficou esquecida na cerimónia

O Secretário de Estado da Saúde aproveitou o momento para agradecer o trabalho dos profissionais de saúde daquele hospital no combate à covid-19: “vocês mostraram que, de facto, nós só conseguimos fazer face a estas circunstâncias quando temos um Serviço Nacional de Saúde forte”.

António Sales destacou ainda o desempenho das autoridades e agentes locais que permitiram que “esta região soubesse responder da melhor forma a esta pandemia”.

Já no final da sua intervenção sublinhou a importância da nova UHD do CHL, referindo que “se houve momento em que foi provada a importância da hospitalização domiciliária foi esta pandemia”, em que 85% dos doentes foram tratados em casa.

Ainda sobre a pandemia que se vive, o Secretário de Estado da Saúde lembrou que “ainda não é tempo de fazer balanços, ainda é tempo de dar respostas”.